APRENDIZAGEM HISTÓRICA NOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS PARA O ENSINO DE HISTÓRIA E ESTUDOS SOCIAIS NOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA (1994-2014)

  • Itamar Freitas PNPD-CAPES/UnB/UFS
Palavras-chave: Aprendizagem histórica, Parâmetros Curriculares Nacionais, EUA, Currículo, Didática da História

Resumo

Neste artigo, exploramos os sentidos de aprendizagem histórica, bem como o resultado das relações entretidas entre profissionais da educação e da história na produção de parâmetros curriculares nacionais para o ensino de história e de estudos sociais nos Estados Unidos da América, entre 1994 e 2014. Mediante análise internalista, examinamos mudanças e continuidades relativas às prescrições que envolvem conteúdos substantivos e meta-históricos nos documentos prescritivos da área, de caráter nacional: National Standards for History (1994-1996), Curriculum Standards for Social Studies (1994-2010) e Common Core State Standards (2010-2014). Com este texto, buscamos não somente ampliar o conhecimento sobre a normativa acerca dos usos da história na formação escolar, como também fornecer subsídios para a reflexão da natureza da expressão “didática da história”, seus elementos estruturantes e o seu lugar no desenho dos currículos dos cursos superiores de história no Brasil.
Publicado
30-12-2014
Como Citar
Freitas, I. (2014). APRENDIZAGEM HISTÓRICA NOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS PARA O ENSINO DE HISTÓRIA E ESTUDOS SOCIAIS NOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA (1994-2014). Revista De Teoria Da História | Journal of Theory of History, 12(2), 68-90. https://doi.org/10.5216/rth.v11i2.33420
Seção
Dôssie: Didática da História e Ciência Histórica: possibilidades e limites da ciência do aprendizado histórico