[1]
E. L. Dias, Z. da S. Batista, R. de M. S. N. de C. Guerra, K. da S. Calabrese, T. B. Lima, e A. L. Abreu-Silva, “LEISHMANIOSE VISCERAL CANINA (LVC): SOROPREVALÊNCIA, ASPECTOS CLÍNICOS, HEMATOLÓGICOS E BIOQUÍMICOS DE CÃES NATURALMENTE INFECTADOS EM UMA ÁREA ENDÊMICA NO MUNICÍPIO DE SÃO LUIS, ESTADO DO MARANHÃO, BRASIL”, Ciênc. anim. bras., vol. 9, nº 3, p. 740-745, out. 2008.