Utilização do cultivo in vitro de folículos pré-antrais suínos inclusos em tecido ovariano (in situ) como modelo de avaliação da eficiência de medicamentos homeopáticos na foliculogênese inicial

  • Romão da Cunha Nunes Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Goiás, Brasil, romaocnunes@hotmail.com
  • Laritza Ferreira de Lima Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, laritza_lima@yahoo.com.br http://orcid.org/0000-0001-6391-7113
  • Rebeca Magalhães Pedrosa Rocha Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, rebeca_mpr@yahoo.com.br
  • Letícia Oliveira Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Goiás, Brasil, leticiameloo@hotmail.com
  • Claudio Cabral Campello Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, cccampello@yahoo.com.br
  • Jose Ricardo de Figueiredo Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, figueiredo.lamofopa@gmail.com

Resumo

Este trabalho teve por objetivo avaliar o efeito dos medicamentos homeopáticos (Pulsatilla nigricans e hormônio folículo estimulante homeopático - FSH) e um complexo homeopático (Bos Stress Fertilis) na foliculogênese inicial, utilizando o cultivo in vitro de folículos pré-antrais suínos como modelo in vitro. Para tanto, fragmentos ovarianos foram cultivados por um ou sete dias em ?-MEM+ na ausência (controle cultivado) ou presença de FSH homeopático (6 cH), Pulsatilla (6 CH), Bos Stress Fertilis (6 CH), álcool cereal (50% - v/v) ou FSH recombinante (50 ng/ml) adicionados diariamente. Os fragmentos ovarianos não cultivados (controle fresco) ou cultivados por um e sete dias foram processados para histologia clássica. Somente o composto homeopático Bos Stress Fertilis foi eficiente em manter o percentual de sobrevivência folicular após sete dias de cultivo semelhante ao controle não cultivado e ?-MEM+. Em relação ao crescimento folicular, somente a adição de FSH homeopático aumentou o diâmetro folicular quando comparado ao controle não cultivado e ?-MEM+ após um dia de cultivo. Dessa forma, pode-se concluir que a adição dos medicamentos homeopáticos Bos Stress fertilis e FSH homeopático (6 CH) melhoraram, respectivamente, a sobrevivência e o crescimento in vitro de folículos pré-antrais suínos inclusos em fragmentos de tecido ovariano. 
Palavras-chave: Folículo pré-antral; FSH; Fomeopatia; Ovário; Suíno

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Romão da Cunha Nunes, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Goiás, Brasil, romaocnunes@hotmail.com
Laritza Ferreira de Lima, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, laritza_lima@yahoo.com.br
Rebeca Magalhães Pedrosa Rocha, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, rebeca_mpr@yahoo.com.br
Claudio Cabral Campello, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, cccampello@yahoo.com.br
Jose Ricardo de Figueiredo, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil, figueiredo.lamofopa@gmail.com
Publicado
02-08-2018
Como Citar
da Cunha Nunes, R., Ferreira de Lima, L., Magalhães Pedrosa Rocha, R., Oliveira, L., Cabral Campello, C., & Ricardo de Figueiredo, J. (2018). Utilização do cultivo in vitro de folículos pré-antrais suínos inclusos em tecido ovariano (in situ) como modelo de avaliação da eficiência de medicamentos homeopáticos na foliculogênese inicial. Ciência Animal Brasileira, 19, 1-8. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/e-48658
Seção
MEDICINA VETERINÁRIA