ANÁLISE ETOLÓGICA RELACIONADA AO PROCEDIMENTO DE DESGASTAR OU NÃO DENTES DE LACTENTES SUÍNOS

Autores

  • Gisele Dela Ricci Universidade de São Paulo
  • Osmar Antonio Dalla Costa Embrapa- Suínos e Aves
  • Messias Alves da Trindade Neto Universidade de São Paulo
  • Cristiane Gonçalves Titto Universidade Estadual Paulista

Palavras-chave:

Produção de Suínos, Bem-estar Animal

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar o comportamento de leitões e porcas, frente ao tratamento de desgaste ou não de dentes do lactente. Foram utilizadas 67 matrizes suínas e 827 leitões. O experimento foi realizado em três locais e a obtenção de dados comportamentais foi a partir de etograma, na forma dirigida. As observações dos leitões foram realizadas de dez em dez minutos, durante quatro horas, três vezes por semana. Os dados foram analisados em delineamento inteiramente ao acaso com medidas repetidas no tempo. Utilizou-se o modelo misto com o efeito fixo de tratamento, turno, período e suas interações; e o efeito aleatório de lote utilizando o procedimento MIXED do SAS (2008). Foram testadas 15 estruturas de variância e covariância, escolhendo-se a que apresentou menor valor para o Critério de Informação de Akaike (AIC). Não foram encontrados efeitos significativos para o comportamento agonístico, estereotipado, lúdico e exploratório em relação aos tratamentos assim como para todo o período avaliado (P>0,05). Efeitos significativos foram identificados no comportamento de mamar, comparando-se os tratamentos (P?0,05). Não foram encontrados efeitos significativos para o comportamento alimentar das matrizes (P>0,05). Comer diferiu de beber, para o período avaliado (P?0,05). Com este estudo, conclui-se que o procedimento de desgaste ou permanência dos dentes de leitões pode influenciar em comportamentos importantes, como o de mamar, responsável pelo eficiente ganho de peso. O desgaste dos dentes pode ser desnecessário diante dos ferimentos causados, em decorrência do manejo errôneo desta pratica. Contudo, há necessidade de mais estudos direcionados a este tema, buscando maiores elucidações.
Palavras-chave: adaptação; bem-estar; comportamento; etologia; lesão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisele Dela Ricci, Universidade de São Paulo

Zootecnista pela UNESP e mestre pela USP de Pirassununga.

Atualmente é doutoranda pela USP.

Atua na area de etologia, bioclimatologia e produtividade animal.

Osmar Antonio Dalla Costa, Embrapa- Suínos e Aves

Zootecnista, mestre e doutor.

Atualmente é pesquisador na Embrapa- em Concordia- Santa Catarina

Messias Alves da Trindade Neto, Universidade de São Paulo

Zootecnista, mestre e doutor.

Atualmente é professor na Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP.

Cristiane Gonçalves Titto, Universidade Estadual Paulista

Zootecnista, mestre e doutora pela USP.

Atualmente é professora na Faculdade de Zootecnia e Engenharia de alimentos

Downloads

Publicado

30-08-2017

Como Citar

Ricci, G. D., Dalla Costa, O. A., da Trindade Neto, M. A., & Titto, C. G. (2017). ANÁLISE ETOLÓGICA RELACIONADA AO PROCEDIMENTO DE DESGASTAR OU NÃO DENTES DE LACTENTES SUÍNOS. Ciência Animal Brasileira, 18. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/e-39589

Edição

Seção

ZOOTECNIA