AVALIAÇÃO ERITROCITÁRIA E BIOQUÍMICA DE JUNDIÁS (Rhamdia quelen) SUBMETIDOS À DIETA COM DIFERENTES NÍVEIS PROTÉICOS E ENERGÉTICOS

  • Leticia Hayashi Higuchi Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Aldi Feiden Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Marcia Luzia Ferrarezi Maluf Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Jackeline Marcante Dallagnol Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Micheli Zaminhan Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Wilson Rogério Boscolo Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
Palavras-chave: Hematologia, Rhamdia quelen, Tanques-rede, dietas.

Resumo

Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito de diferentes rações sobre os parâmetros eritrocitários (hemácias, hemoglobina e hematócrito) e bioquímicos (glicose, albumina e proteína) de jundiás (Rhamdia quelen). Utilizaram-se 36 jundiás (comprimento médio = 32 ± 11 cm e peso médio = 442 ± 46 g), provenientes de tanques-rede localizados no município de Santa Helena, PR. Foram testados seis tratamentos com diferentes níveis proteicos – 25%, 30% e 35 % – e dois níveis de energia digestível 3.250 e 3.500 kcal. Os valores médios obtidos para hemácias (106/µL) foram de 1,98 ± 2,21, hemoglobina (g/dL) 8,33 ± 10,50 e hematócrito (%) 35,00 ± 47,00. Os parâmetros bioquímicos para glicose (mg/dL), proteína (mg/mL) e albumina (g/dL)  foram  75,92 ± 124,30; 5,78 ± 6,92 e 3,33 ± 4,42, respectivamente. Os resultados obtidos neste trabalho demonstraram que não houve diferença (P>0,05) entre os parâmetros eritrocitários e bioquímicos em relação aos níveis de proteína e energia analisados.

Palavras-chaves: Hematologia, Rhamdia quelen, tanques-rede, dietas.?<!--[endif]-->

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
31-03-2011
Como Citar
Higuchi, L., Feiden, A., Maluf, M. L., Dallagnol, J., Zaminhan, M., & Boscolo, W. (2011). AVALIAÇÃO ERITROCITÁRIA E BIOQUÍMICA DE JUNDIÁS (Rhamdia quelen) SUBMETIDOS À DIETA COM DIFERENTES NÍVEIS PROTÉICOS E ENERGÉTICOS. Ciência Animal Brasileira, 12(1), 70 - 75. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/8986
Seção
Produção Animal