FREQUÊNCIA DE CORDAS TENDÍNEAS DA VALVA MITRAL DO CORAÇÃO DE OVINOS (Ovis aries, LINNAEUS 1758) DA RAÇA SANTA INÊS

  • Fábio Ferreira de Queiroz UENF
  • Alexandre Thomé da Silva de Almeida UENF
  • Vinícius Novaes Rocha UENF
  • Thalia Catlheen Souza Domingos UENF
  • Leonardo Serafim da Silveira UENF
Palavras-chave: Sanidade Animal

Resumo

Este trabalho teve como objetivo investigar a frequência de cordas tendíneas no complexo valvar atrioventricular esquerdo (CVAE) do coração de ovinos da raça Santa Inês. Os ensaios foram realizados em quarenta órgãos preparados com a utilização de solução de formol a 10% e dissecados para a retirada do CVAE, classificando-se e quantificando-se as cordas tendíneas, cujo número variou de 10 a 27, bem como as que se orientavam à comissura entre as válvulas, variando em número de duas a cinco cordas, saindo dos músculos papilares subauricular e subatrial. Corações com três cordas que se orientavam à comissura apresentaram maior frequência. Os resultados sugerem a inexistência de uma padronização anatômica na quantidade de cordas tendíneas no coração do ovino da raça Santa Inês.
Palavra-chaveS: Cordas tendíneas, coração, frequência, morfologia, ovino.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
17-12-2009
Como Citar
Queiroz, F., Almeida, A., Rocha, V., Domingos, T., & Silveira, L. (2009). FREQUÊNCIA DE CORDAS TENDÍNEAS DA VALVA MITRAL DO CORAÇÃO DE OVINOS (Ovis aries, LINNAEUS 1758) DA RAÇA SANTA INÊS. Ciência Animal Brasileira, 10(4), 1148-1154. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/8471
Seção
Medicina Veterinária