PREVA LÊNCIA DA CISTICERCOSE EM BOVINOS A BATIDOS SOB INSPEÇÃO FEDERAL NO MUNICÍPIO DE JEQUIÉ, BAHIA, BRASIL

Autores

  • Valdir Cleber Rêgo Santos Universidade Estadual de Santa Cruz
  • Emanoel Tomé Regis Ramos Universidade Estadual de Santa Cruz
  • Francisco Salles de Almeida Filho Universidade Estadual de Santa Cruz
  • Jaqueline Maria da Silva Pinto Universidade Estadual de Santa Cruz
  • Alexandre Dias Munhoz Universidade Estadual de Santa Cruz

Resumo

O presente estudo verificou a prevalência da cisticercose bovina em 142.579 bovinos abatidos no período de agosto de 2004 a julho de 2006, em um matadouro-frigorífico no município de Jequié, Bahia, Brasil que possui serviço de Inspeção Federal. Foram utilizados os mapas nosográficos mensais relativos aos exames pos-mortem diários realizados pelo serviço de inspeção no referido período. Os dados foram submetidas a análise que revelou uma prevalência de 1,74% para cisticercose bovina. Do total de 10.857 órgãos condenados 5.571 (51,31%) foram devido à presença dos cisticercos. O parasita apresentou prevalência de 1,11% nos músculos da cabeça, 1,7% no coração e 1,1% na língua. A cisticercose é uma importante causa de condenação de órgãos e carcaças, dos bovinos abatidos, com geração de prejuízos econômicos significativos e a prevalência de cisticercose em órgãos e carcaças indica a presença de teníase humana na população próxima aos animais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valdir Cleber Rêgo Santos, Universidade Estadual de Santa Cruz

Acadêmico do curso de Medicina Veterinária da Universidade Estadual de Santa Cruz

Emanoel Tomé Regis Ramos, Universidade Estadual de Santa Cruz

Técnico em Agropecuária e acadêmico do curso de Medicina Veterinária da UESC

Francisco Salles de Almeida Filho, Universidade Estadual de Santa Cruz

Veterinário, Fiscal Federal Agropecuário, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Serviço de Inspeção Federal nº 1967, BR-330, Km 11, Jequié, Bahia

Jaqueline Maria da Silva Pinto, Universidade Estadual de Santa Cruz

Médica Veterinária, Profa Assistente do Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais (DCAA)/UESC.

Alexandre Dias Munhoz, Universidade Estadual de Santa Cruz

Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais, Laboratório de Análises Clínicas Veterinárias da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Área de Clínica e Cirurgia Veterinária e Medicina Veterinária Preventiva

Downloads

Publicado

03-04-2008

Como Citar

Santos, V. C. R., Ramos, E. T. R., Almeida Filho, F. S. de, Silva Pinto, J. M. da, & Munhoz, A. D. (2008). PREVA LÊNCIA DA CISTICERCOSE EM BOVINOS A BATIDOS SOB INSPEÇÃO FEDERAL NO MUNICÍPIO DE JEQUIÉ, BAHIA, BRASIL. Ciência Animal Brasileira, 9(1), 132–140. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/766

Edição

Seção

Medicina Veterinária