MORTALIDADE EMBRIONÁRIA E QUALIDADE DO PINTO AO NASCER ORIUNDO DE OVO DE CASCA VÍTREA DE MATRIZ PESADA (Gallus gallus)

Resumo

Ovos de casca vítrea apresentam em suas superfícies pontos com coloração cinza claro de vários diâmetros, que ficam mais visíveis com o decorrer do período de armazenagem. Objetivou-se no trabalho, avaliar a fase de mortalidade embrionária, peso do ovo durante o período de incubação, intervalo de tempo de nascimento e a qualidade dos pintos ao nascerem oriundos de ovos de casca vítrea. A pesquisa foi dividida em duas partes. Na primeira parte, ocorreu a incubação de 80 ovos provenientes de matrizes com 45 semanas de idade sendo metade ovos normais e metade ovos vítreos e na segunda parte, foram incubados 80 ovos provenientes de matrizes com 70 semanas de idade do mesmo lote do anterior. Desses, metade eram normais e metade eram vítreos. Não houve diferença para mortalidade embrionária, peso do ovo, qualidade dos pintos ao nascerem (peso do pinto ao nascer, qualidade do umbigo e uniformidade) e intervalo de tempo de nascimento entre os ovos vítreos e normais oriundos de matrizes de 45 e 70 semanas de idade. Porém ovos de casca vítrea oriundos de matrizes de 70 semanas de idade apresentaram maior índice de contaminação.
Palavras chave: Intervalo de tempo de nascimento; Qualidade do pinto; Desenvolvimento embrionário.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
23-09-2019
Como Citar
Franco, M. J. M., Olivieri, O. C. L., Fernandes, E. D. A., da Silva, P. L., Fonseca, R. R., & Fonseca, B. B. (2019). MORTALIDADE EMBRIONÁRIA E QUALIDADE DO PINTO AO NASCER ORIUNDO DE OVO DE CASCA VÍTREA DE MATRIZ PESADA (Gallus gallus). Ciência Animal Brasileira, 20(1), 1-10. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/49586
Seção
MEDICINA VETERINÁRIA