DINÂMICA DA FERMENTAÇÃO RUMINAL EM OVINOS ALIMENTADOS COM RAÇÕES CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE COPRODUTOS DE CAJU (Anacardium occidentale)

  • Marcos Cláudio Rogério Universidade Estadual Vale do Acaraú
  • iran Borges Universidade Federal de Minas gerais
  • Norberto Mario Rodriguez Universidade Federal de Minas Gerais
  • Warley Éfrem Campos Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento MAPA
  • Vandenberg Lira Silva Universidade Estadual Vale do Acaraú
  • Tallita da Ponte Ribeiro Universidade Estadual Vale do Acaraú
Palavras-chave: nitrogênio amoniacal, ovinos, pH, parâmetros ruminais, ruminantes

Resumo

O presente estudo foi desenvolvido para avaliar a influência da inclusão de diferentes níveis do coproduto do processamento do caju (Anacardium occidentale L.) sobre a concentração de nitrogênio amoniacal (N-NH3) em mg/100 mL, pH e concentrações molares de ácidos graxos voláteis (AGVs) do líquido ruminal, em ovinos recebendo dietas experimentais isofibrosas e isoproteicas. Distribuíram-se vinte ovinos machos, inteiros em quatro tratamentos de inclusão do coproduto de caju (zero %; 19%; 38%; 52%), segundo delineamento em blocos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas, em que as parcelas eram as dietas e as subparcelas os tempos de colheita (zero, duas, cinco, oito horas pós-prandial) com cinco repetições. O pH manteve-se dentro dos padrões citados na literatura, mesmo diante de elevadas inclusões de coproduto de caju. Os tratamentos com zero % e 52% apresentaram as maiores concentrações de N-NH3. A proporção molar dos AGVs no líquido ruminal dos ovinos alimentados com rações com o coproduto de caju foi típica de dietas ricas em volumosos. A relação acetato:propionato não foi afetada pela inclusão do coderivado de caju. A inclusão do coproduto de caju em até 19 % na ração apresentou os melhores resultados no que diz respeito aos parâmetros analisados neste trabalho.

PALAVRAS-CHAVES: Ácidos graxos voláteis, nitrogênio amoniacal, Ovis aries, pH, parâmetros ruminais, ruminantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Cláudio Rogério, Universidade Estadual Vale do Acaraú

Marcos Cláudio Pinheiro Rogério é professor adjunto do curso de Zootecnia da Universidade Estadual Vale do Acaraú

iran Borges, Universidade Federal de Minas gerais

Iran Borges é professor do Departamento de Zootecnia da Escola de Veterinária da Universidade Federal de Minas Gerais. Área : Nutrição de Ruminantes

Norberto Mario Rodriguez, Universidade Federal de Minas Gerais
Norberto Mario Rodriguez é professor do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Minas Gerais. Area : Nutrição de ruminantes
Warley Éfrem Campos, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento MAPA
Warley Éfrem campos é técnico do Ministério da Agricultura
Vandenberg Lira Silva, Universidade Estadual Vale do Acaraú
Vandenberg Lira Silva é estudante de Mestrado em Zootecnia da Universidade Estadual Vale do Acaraú
Tallita da Ponte Ribeiro, Universidade Estadual Vale do Acaraú
Tallita da Ponte Ribeiro é mestre pela Universidade Estadual Vale do Acaraú
Publicado
02-07-2009
Como Citar
Rogério, M., Borges, iran, Rodriguez, N., Campos, W., Silva, V., & Ribeiro, T. (2009). DINÂMICA DA FERMENTAÇÃO RUMINAL EM OVINOS ALIMENTADOS COM RAÇÕES CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE COPRODUTOS DE CAJU (Anacardium occidentale). Ciência Animal Brasileira, 10(2), 355-364. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/4083
Seção
Produção Animal