ASPECTOS LABORATORIAIS DA INTOXICAÇÃO EXPERIMENTAL DE BOVINOS PELOS FRUTOS DE Stryphnodendron Fissuratum MART.(“ROSQUINHA”)

Ary da Silva Rodrigues, Nilo Sérgio Troncoso Chaves, Adilson Donizeti Damasceno, Bruno Rodrigues Trindade, Anúzia Cristina Barini, Victor de Queiroz Ferreira, Carlos Eduardo de Moraes Souto Pantoja

Resumo


O presente trabalho aborda algumas alterações laboratoriais relacionadas com o hemograma e a bioquímica sangüínea de quinze bovinos, machos mestiços, com idade entre dez e quatorze meses, pesando entre 96 e 214 kg, intoxicados experimentalmente pelos frutos de Stryphnodendron fissuratum Mart. (“rosquinha”) em doses únicas de 30g/kg, 20g/kg e 10g/kg. Todos os animais que ingeriram os frutos adoeceram e morreram. Os leucogramas apresentaram aumento dos leucócitos totais, neutrófilos e monócitos com diminuição dos eosinófilos e linfócitos. O número de hemácias, a concentração de hemoglobina e o hematócrito também se elevaram. Houve maior aumento para a aspartato aminotranferase (AST) e aumentos moderados para a creatina quinase (CK) egamaglutamiltransferase (GGT). Incrementos também foram observados nos níveis de uréia, bilirrubina e creatinina. Os valores de proteínas totais não se alteraram. PALAVRAS-CHAVE: Bovinos, plantas tóxicas, Stryphnodendron fissuratum

Texto completo:

PDF




Logotipo do IBICT
Visitantes: contador de visitas