ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DE ENFERMIDADES CIRÚRGICAS DO APARELHO GENITAL DE TOUROS EM UMA POPULAÇÃO DE 12.320 REPRODUTORES (1982-2007) NO ESTADO DE GOIÁS, BRASIL

Autores

  • Rogério Elias Rabelo Universidade Federal de Goiás - Campus de Jataí
  • Luiz Antonio Franco Silva Universidade Federal de Goiás
  • Luiz Augusto Batista Brito Universidade Federal de Goiás
  • Maria Ivete Moura Universidade Federal de Goiás
  • Olízio Claudino Silva Universidade Federal de Goiás
  • Viviane Souza Carvalho Universidade Federal de Goiás
  • Leandro Guimarães Franco Universidade Federal de Goiás

Resumo

O aparelho genital do touro pode ser acometido por enfermidades que resultam em impotência coeundi, levando à queda na eficiência reprodutiva. Aspectos anatômicos, raciais e manejo são considerados fatores predisponentes de injúrias à genitália. Neste estudo, catalogaram-se 12.320 touros entre 1982 e 2007, sendo que, destes, 898 (7,29%) eram portadores de alguma enfermidade cirúrgica no aparelho reprodutor, diagnosticados pelo exame clínico específico da genitália ou por meio do teste de capacidade de serviço. Concomitantemente, aplicou-se questionário para obtenção de informações relacionadas à epidemiologia das enfermidades genitais. Dos 898 touros enfermos,

741 (82,52%) eram zebuínos, 133 (14,81%) taurinos e 24 (2,67%) mestiços. Observou-se que 570 (63,5%) possuíam idade igual ou superior a 60 meses, 220 (24,5%) entre 40 e 60; e 108 (12,0%) inferior a 40 meses. Dentre as enfermidades diagnosticadas, registraram-se 728 (81%) casos de acropostite-fimose, 46 (5,20%) desvios penianos, 23 (2,60%) fibropapiloma de glande, 14 (1,60%) abscessos prepuciais e 11 (1,20%) fraturas penianas. Dos 417 produtores rurais visitados, 256 (61,50%) efetuavam, empiricamente, tratamento das enfermidades, ignorando a importância do diagnóstico. Concluiu-se que o manejo e a característica racial foram os principais fatores predisponentes relacionados à etiopatogenia das enfermidades do aparelho reprodutor.

PALAVRAS-CHAVES: Bovino, epidemiologia, reprodução.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

15-10-2008

Como Citar

Rabelo, R. E., Silva, L. A. F., Brito, L. A. B., Moura, M. I., Silva, O. C., Carvalho, V. S., & Franco, L. G. (2008). ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DE ENFERMIDADES CIRÚRGICAS DO APARELHO GENITAL DE TOUROS EM UMA POPULAÇÃO DE 12.320 REPRODUTORES (1982-2007) NO ESTADO DE GOIÁS, BRASIL. Ciência Animal Brasileira, 9(3), 705–713. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/1199

Edição

Seção

Medicina Veterinária