[1]
P. D. Sartin, “SOBRE LIMINARIDADE: RELENDO VICTOR TURNER EM CHAVE PÓS-ESTRUTURAL”, rth, vol. 6, nº 2, p. 139–149, mar. 2014.