Teatro pós-dramático: reflexões sobre o ensino de teatro na escola em um contexto sul-mato-grossense

  • Maria Helena Santana Moreira

Resumo

Este artigo pretende refletir sobre as possibilidades estéticas e pedagógicas existentes em uma abordagem pós-dramática do ensino do teatro. Serão discutidas questões relativas ao ensino de teatro, incluído no contexto escolar brasileiro, em específico na rede de ensino básico público da cidade de Dourados/MS. Estarão em foco discussões sobre como a presença do teatro pós-dramático em sala de aula contribui para a construção do pensamento político- -social do aluno acerca de seu cotidiano e suas relações interpessoais, e de que forma pode-se interagir de maneira crítica e artística com estas relações. Serão discutidas as maneiras como uma estética pós-dramática pode contribuir para a concretização dos objetivos descritos nos Referenciais Curriculares Estaduais para o Ensino Fundamental e Médio. A reflexão acerca destas questões origina-se na necessidade detectada no decorrer das aulas de Artes ministradas por esta pesquisadora na Rede Estadual de Ensino do Estado do Mato Grosso do Sul, no ano de 2015. Assim, refletir-se-á sobre como uma estética teatral presente nos palcos da atualidade, cujas motivações se fazem presentes também no cotidiano da criança/adolescente nos dias de hoje, pode relacionar-se com a escola sem que esta ação cause um aumento no preconceito já existente sobre esta Arte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Helena Santana Moreira
Licenciatura em Artes Cênicas (UFGD); Especialização em Teatro, Poéticas e Educação (UFGD).
Publicado
21-12-2016
Como Citar
Santana Moreira, M. H. (2016). Teatro pós-dramático: reflexões sobre o ensino de teatro na escola em um contexto sul-mato-grossense. Revista Polyphonía, 27(2), 191-201. https://doi.org/10.5216/rp.v27i2.44724
Seção
Dossiê: O ensino de arte na escola: histórias, linguagens e metodologias