História da ciência e mediação: a importância da história para o ensino de ciências

  • Kárita de Jesus Boaventura
  • Wilton de Araújo Medeiros

Resumo

Este trabalho resulta de pesquisa bibliográfica e fará parte da dissertação para conclusão do Mestrado Profissional em Ensino de Ciências pela Universidade Estadual de Goiás. Foram utilizadas como fontes obras e artigos de autores pertinentes ao tema trabalhado. O objetivo proposto é atentar para o conceito de mediação não só dentro das teorias da aprendizagem, mas também dentro do ensino de história, e analisar a história como mediadora do conhecimento científico. O texto está estruturado de forma a, primeiro, conceituar a mediação dentro da teoria vigotskyniana, depois, entender a mediação no ensino de história e, por último, compreender a história da ciência como mediadora para o ensino de ciências. Concluímos que é possível diminuir a distância entre o aluno e a ciência utilizando a história da ciência como mediadora, pois essa última insere o aluno no contexto histórico das descobertas e desmistifica a ideia de cientistas e ciência imutáveis e lineares, humanizando-os como seres concretos e de interesses políticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kárita de Jesus Boaventura
Programa de Pós-Graduação Ensino de Ciências da Universidade Estadual de Goiás.
Wilton de Araújo Medeiros
Programa de Pós-Graduação Ensino de Ciências da Universidade Estadual de Goiás.
Publicado
26-10-2015
Como Citar
Boaventura, K. de J., & Medeiros, W. de A. (2015). História da ciência e mediação: a importância da história para o ensino de ciências. Revista Polyphonía, 26(2), 143-157. https://doi.org/10.5216/rp.v26i2.38307