Formação colaborativa na perspectiva sócio-históricocultural: a dialética da inclusão escolar

Autores

  • Vera Kran Gomes Miranda Professora da Rede Municipal de Educação da cidade de Rialma.
  • Deise Nanci de Castro Mesquita Cepae/UFG

DOI:

https://doi.org/10.5216/rp.v25i2.38145

Resumo

Este artigo apresenta e discute o resultado de um projeto de formação colaborativa desenvolvido com professores de educação infantil e de primeira fase da educação básica ligados à Secretaria Municipal de Educação de Rialma (SME), em Goiás. Em uma perspectiva dialética inclusiva, esta pesquisa-ação se preocupou com a aprendizagem de alunos com necessidades educacionais especiais. O texto está dividido em quatro partes, em que os aspectos teóricos e empíricos estão entrelaçados e se completam. A primeira descreve todo o percurso metodológico da investigação, desde o Seminário de Abertura até a finalização do Estudo Empírico. A segunda trata da constituição do grupo de estudos colaborativos formado por seis (6) educadoras que se dispuseram a participar. Na terceira estão descritas as conclusões dos estudos que nortearam uma nova forma de planejar as aulas, baseada nos pressupostos da pedagogia histórico-crítica e teoria histórico-cultural (LEONTIEV, A.N. 2004, 2012, 2012a; SAVIANI, D. 1991, 2012; VIGOTSKI, L. S. 1994, 2001, 2012). A quarta e última conclui a pesquisa com a descrição e a análise do estudo empírico realizado na sala de aula de uma das professoras/participantes do Primeiro Ano 1. O artigo explica como, em cada etapa, as professoras assimilaram as teorias críticas de educação, desfizeram-se de alguns conceitos antigos e criaram planos de aulas que, por meio da prática fundamentada teoricamente, serviu de base para a organização, a aplicação e a reelaboração de atividades de letramento. Mediados pela professora, em um processo dialético de inclusão, foram desenvolvidos trabalhos colaborativos nos pequenos grupos de alunos, criando uma interdependência positiva de ensino e aprendizagem entre os pares menos e mais experientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vera Kran Gomes Miranda, Professora da Rede Municipal de Educação da cidade de Rialma.

Professora da Rede Municipal de Educação da cidade de Rialma. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Ensino na Educação Básica do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação da Universidade Federal de Goiás.

Deise Nanci de Castro Mesquita, Cepae/UFG

Professora do Programa de Pós-Graduação em Ensino na Educação Básica do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação da UFG. Doutora em Letras e Linguística.

Downloads

Publicado

21-10-2015

Como Citar

Miranda, V. K. G., & Mesquita, D. N. de C. (2015). Formação colaborativa na perspectiva sócio-históricocultural: a dialética da inclusão escolar. Revista Polyphonía, 25(2), 21–34. https://doi.org/10.5216/rp.v25i2.38145