Avaliação das ações de controle da dengue em Itabuna/BA sob a ótica da população

  • Itana Miranda Santos Programa de Pós-Graduação em Saúde e Educação da Universidade de Ribeirão Preto.
  • Silvia Sidnéia da Silva Programa de Pós-Graduação em Saúde e Educação da Universidade de Ribeirão Preto.

Resumo

A dengue é uma arbovirose reemergente que vem se constituindo em importante problema de saúde pública no mundo, particularmente, em países tropicais. O objetivo do estudo foi avaliar as ações educativas para o controle da dengue, sob a ótica da população de bairros que apresentaram maiores índices de infestação predial no município de Itabuna/BA. Trata-se de uma pesquisa de caráter descritivo-exploratório, transversal, de abordagem qualiquantitativa, que contemplou uma etapa de aplicação de instrumento semi-estruturado aos moradores dos bairros selecionados. A amostra constituiu-se de 106 indivíduos, com idades acima de 18 anos, sendo 90,6% do sexo feminino e 9,4% masculino, destes 88% sujeitos afirmaram saber o que é dengue e 98% relataram ter ciência de como evitar a doença. Contudo, apenas 52% dos entrevistados conseguem distinguir uma muriçoca do mosquito da dengue; quanto às orientações recebidas e seguidas em relação às medidas preventivas para o controle da dengue 84% foram voltadas para limpeza e manter tanque fechado, 42% evitar água parada, 41% limpar os reservatórios e limpeza do quintal; estas informações foram transmitidas por meios de comunicação, como a televisão (31%), seguida dos agentes de saúde (22%). Constatou-se que a equipe de saúde tem feito orientações gerais para evitar a doença, sendo 30% nas visitas do agente de endemias, contudo, 51% dos sujeitos referiram não identificar quaisquer atividades educativas advindas da referida equipe. Conclui-se com o estudo que as ações são voltadas para a eliminação dos criadouros e ocorrem de forma generalizada, verticalizadas e desarticuladas das realidades do lócus e, dessa forma, observa-se conhecimento insatisfatório em relação à doença e sua etiologia, por parte da população residente no território.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
13-10-2015
Como Citar
Santos, I. M., & Silva, S. S. da. (2015). Avaliação das ações de controle da dengue em Itabuna/BA sob a ótica da população. Revista Polyphonía, 26(1), 275-282. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/38030