Novas tecnologias aplicadas à formação continuada de professores de língua inglesa

  • Jéssica Bell’aver Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas, Sociais e da Natureza da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Londrina.
  • Alessandra Dutra Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas, Sociais e da Natureza da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Londrina.

Resumo

Ensinar uma língua estrangeira, como qualquer outra disciplina do currículo escolar, requer preparação pedagógica e conhecimento teórico. Diante do contexto em que vivemos atualmente, nota-se que o ensino da Língua Inglesa na Educação Infantil e nos Anos Iniciais das escolas públicas precisa de elementos norteadores que venham a atender às especificidades de ensino -aprendizagem dessa faixa etária. A AMOP, Associação dos Municípios do Oeste do Paraná, organiza encontros pontuais de formação continuada ao longo do ano para as diversas áreas do conhecimento, proporcionando a interação entre os profissionais envolvidos com o ensino, inclusive os de Língua Inglesa, dos municípios filiados ao órgão. Entretanto, considerando que a prática de ensino da Língua Inglesa para essa faixa etária é relativamente nova, observa-se que tais encontros oferecidos atendem minimamente a essas necessidades, não correspondendo com à demanda das questões relacionadas à implantação dessa disciplina nas escolas, tampouco aos anseios e às angústias dos professores. Assim, o objetivo dessa pesquisa é ampliar a proposta de formação continuada oferecida pela AMOP, por meio da elaboração de uma página da Internet para o acesso e utilização dos professores de Língua Inglesa atuantes na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. O referencial teórico para este estudo conta com as contribuições de Moran (2000), Catapan (2002) e Lévy (1993) que discutem as relações da tecnologia com a Pedagogia e práticas de ensino e, também, com os pressupostos de Motter (2013), sobre os métodos de ensino de Língua Inglesa para crianças. Como metodologia de trabalho, serão utilizados os tipos de pesquisa analítica, interpretativa, bibliográfica e de campo. Dentre as ações já desenvolvidas, pode-se destacar os estudos bibliográficos, as reuniões com representantes do órgão e início da elaboração da página da Internet.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
13-10-2015
Como Citar
Bell’aver, J., & Dutra, A. (2015). Novas tecnologias aplicadas à formação continuada de professores de língua inglesa. Revista Polyphonía, 26(1), 259-265. Recuperado de https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/38028