Políticas públicas e políticas linguísticas no Brasil: diretrizes para o Ensino Médio

  • Elisandra Filetti Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação/UFG
  • Izac Vieira Professor da Rede Estadual de Educação do Estado de Goiás.

Resumo

O presente artigo discute o papel do planejamento de políticas públicas e linguísticas voltadas ao Ensino Médio (EM), o nível intermediário de acesso ao Ensino Superior, com o objetivo de discutir como as políticas linguísticas previstas em documentos oficiais, como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), entre outros, têm sido incorporados aos projetos curriculares das escolas públicas brasileiras e que reflexos essa incorporação trouxe para os resultados dos alunos nos sistemas de avaliação de grande escala.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elisandra Filetti, Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação/UFG
Professora Assistente II do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação/UFG; doutoranda em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás.
Izac Vieira, Professor da Rede Estadual de Educação do Estado de Goiás.
Professor da Rede Estadual de Educação do Estado de Goiás; mestrando em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás.
Publicado
02-10-2013
Como Citar
Filetti, E., & Vieira, I. (2013). Políticas públicas e políticas linguísticas no Brasil: diretrizes para o Ensino Médio. Revista Polyphonía, 23(1). https://doi.org/10.5216/rp.v23i1.26695