Avaliação da aprendizagem no Ensino Superior: perspectivas críticas ou técnicas?

  • Patrícia Magalhães Pinheiro
  • Rafaella Rodrigues Santos

Resumo

Este artigo aborda as concepções de professores sobre a avaliação da aprendizagem no Ensino Superior e as práticas avaliativas que eles têm utilizado em suas aulas, bem como uma contraposição das concepções dos seus alunos com sua visão sobre o tema. Por meio de questionários, numa abordagem qualitativa, buscamos apontar as diferentes concepções que emergem do universo de cinco professores e 48 alunos, do curso de Ciências Biológicas, da Universidade Federal de Goiás. Apesar de percebermos grande recorrência da avaliação da aprendizagem como verificação e medição de conhecimentos, notamos também que concepções mais críticas em relação ao tema, pouco a pouco, são construídas nesse universo educativo, o que nos demonstra certo avanço em relação às práticas pedagógicas dos professores e, consequentemente, uma formação mais crítica dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Magalhães Pinheiro
Mestranda em Educação em Ciências e Matemática, Universidade Federal de Goiás.
Rafaella Rodrigues Santos
Mestranda em Educação em Ciências e Matemática, Universidade Federal de Goiás.
Publicado
02-10-2013
Como Citar
Pinheiro, P. M., & Santos, R. R. (2013). Avaliação da aprendizagem no Ensino Superior: perspectivas críticas ou técnicas?. Revista Polyphonía, 23(1). https://doi.org/10.5216/rp.v23i1.26688
Seção
Dossiê: Avaliação Escolar