Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • Todos os endereços de páginas na Internet (URLs), incluídas no texto (Ex.: http://www.ibict.br) estão ativos e prontos para clicar.
  • O texto está em espaço 1,5; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico ao invés de sublinhar (exceto em endereços URL); com figuras e tabelas inseridas no texto, e não em seu final.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  • A identificação de autoria deste trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Asegurando a Avaliação por Pares Cega.

Diretrizes para Autores

* Informamos que a Revista Polyphonía não cobra taxas ou quaisquer encargos financeiros pela publicação dos conteúdos disponibilizados em nossa plataforma.

Normas para apresentação de originais
Informações gerais

A Revista Polyphonía é um periódico de publicação semestral do Programa de Pós-Graduação em Ensino na Educação Básica do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (Cepae), da Universidade Federal de Goiás, cujo propósito é divulgar trabalhos relacionados à Educação Básica. Organizada em três seções, a Revista traz um dossiê composto de trabalhos que discutem determinado tema (previamente divulgado em Cepae e Portal de Periódicos da UFG), na forma de artigos, resenhas e um conjunto diversificado de artigos e relatos de experiências.

Os trabalhos encaminhados para submissão são apreciados pelos membros da Comissão Editorial e, sem identificação de autoria, são submetidos aos integrantes do Conselho Científico ou pareceristas ad hoc, para avaliação. As resenhas são analisadas no âmbito da comissão responsável pelo periódico. Pequenas modificações e correções nos textos serão feitas pela própria comissão; alterações mais substanciais sugeridas pelos consultores serão efetuadas em consenso com o autor.


Preparação dos originais

Os textos poderão ser apresentados em português ou nas línguas inglesa, francesa e espanhola, devendo conter, obrigatoriamente, a versão para o inglês do título, resumo e palavras-chave. Todos os trabalhos devem ser enviados por meio do Sistema Eletrônico de Editoração de Revista (SEER), no Portal de Periódicos da UFG. O texto deve estar gravado em formato Microsoft Word for Windows (espaçamento: 1,5; tipo de letra: Times New Roman; fonte: 12; folha: A4; margens: 2,5 cm) e toda e qualquer possível identificação de autoria deverá ser retirada do documento, pois a identificação de autoria é feita por meio dos metadados.
Os trabalhos do gênero artigo deverão apresentar um resumo (com extensão entre cem e duzentas palavras), em parágrafo único, contendo o objetivo, método e conclusão, e deverá ser seguido de palavras-chave (no máximo cinco, com iniciais minúsculas e separadas por vírgula). Deverão conter também título em inglês, abstract e keywords. Quanto à extensão, artigos e relatos de experiência deverão ter entre oito e quinze laudas e resenhas entre três e cinco laudas.
O nome do autor (ou autores) não deverá aparecer no documento submetido. Os dados do autor (ou autores), como já mencionado, deverão aparecer apenas nos metadados. Ao preencher os metadados o autor (ou autores) deve(m) colocar uma pequena biografia onde não pode faltar os seguintes dados: vínculo institucional e endereço eletrônico.
As ilustrações (fotografias, desenhos, gráficos e mapas), que serão denominadas figuras (abreviadas como Fig.), deverão ser numeradas, consecutivamente, com algarismos arábicos, em definição igual ou superior a 300 dpi para fotografias e 600 dpi para as demais imagens (desenhos, gráficos, mapas).
As tabelas deverão ser numeradas também com algarismos arábicos e apresentar títulos claros e concisos, além da indicação das fontes correspondentes. Siglas e abreviações deverão estar seguidas de seu significado.
As citações com mais de três linhas deverão ser destacadas, sem entrada de parágrafo, com recuo de texto de 4 cm, em espaço simples, com entrelinhas duplas antes e depois da transcrição, digitadas em fonte 10.
As menções a autores, no correr do texto, mas destacadas dele, deverão subordinar-se à forma autor-data, entre parênteses, como no exemplo: (FRIGOTTO, 1998). Se inserido no texto, o nome do autor constará fora dos parênteses, como no exemplo: “Conforme Frigotto (1998)”. Diferentes títulos do mesmo autor e com a mesma data deverão ser diferenciados pela adição de uma letra após a data: (KUENZER, 2000a), (KUENZER, 2000b).
Quando houver citação de um texto com mais de três autores, deverá ser usado o sobrenome do primeiro autor seguido de et al.: Ferreira et al. (2000).
As referências citadas no texto deverão ser apresentadas ao final do artigo, sob o título “Referências”, de acordo com as normas da ABNT (NBR-6023), conforme exemplos:

Referência de livro

BRAGGIO, S. L. B. Leitura e alfabetização: da concepção mecanicista à sociopsicolinguística. Porto Alegre: Artes Médicas, 1992.

Referência de artigo de periódico
CASTAÑOS, F. Dez contradições no enfoque comunicativo. Trabalhos em Linguística Aplicada. Campinas, SP, n. 21, p. 65-78, 1993.
FILETTI, E. Da linguagem em seus aspectos orais e escritos. Solta a Voz, Goiânia, v. 15, n. 1, p. 29-42, jan./jun. 2004.

Referência de capítulo de livro
FRIGOTTO, G. Educação, crise do trabalho assalariado e do desenvolvimento: teorias em conflito. In: FRIGOTTO, G. (Org.). Educação e crise do trabalho: perspectivas de final de século. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998. p. 25-54.

Referência de dissertações e teses
CONSOLO, A. D. O livro didático como insumo na aula de língua estrangeira (Inglês) na escola pública. 1990. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada) – Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 1990.
SOUZA, L. V. As proezas das crianças: das mal traçadas linhas ao texto de opinião. 2001. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem) – Faculdade de Letras, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001.

Referência de internet
ARAÚJO, R. M. de L. A reforma da educação profissional sob a ótica da noção de competências. Disponível em: < http://anped.org.br >. Acesso em: 22 out. 2002.
Obs.: Se houver elementos como editora, ano, revista etc., estes devem ser citados.


Polyphonía – Revista do Programa de Pós-Graduação em Ensino na Educação Básica do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (Cepae)
Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação
Universidade Federal de Goiás
Pró-Reitoria de Pós-Graduação

Universidade Federal de Goiás - Av. Esperança, S/N - Campus Universitário, Goiânia - GO, 74690-900
Tel. : (62) 3521-1104 - Fax : (62) 3521- 1026
Endereço eletrônico: polyphonia.ufg@gmail.com
Home Page: http://www.cepae.ufg.br
Revista online: www.revistas.ufg.br