AS CRIANÇAS, OS CANTOS, OS DEBAIXOS E OS ATRÁS: CRÔNICAS DE VIVÊNCIAS ESPACIAIS

Palavras-chave: crianças, vivências espaciais, linguagem, espaço geográfico

Resumo

Este é um trabalho formado por muitas vozes: a dos autores citados, as nossas e a de crianças com quem convivemos em nossas pesquisas. Isso porque acreditamos em um trabalho acadêmico com as ciências humanas que rompe com o positivismo clássico, ao mesmo tempo em que se desata do subjetivismo presente em muitos estudos, reconhecendo que somos seres que nascem em um mundo de linguagem e nele nos forjamos. Ao longo do texto, trazemos memórias pessoais de nossas infâncias e de infâncias alheias. Memórias do mundo externo, de suas cores, sons e sabores refratados pela nossa vivência, pelas nossas escalas. O texto é fruto de como olhamos para todas essas vivências em sua relação com o espaço geográfico, nosso tema de estudo. Entendendo que não existe vivência espacial fora do verbo humano, por isso defendemos a condição da linguagem humana como uma totalidade a que somos inseridos. Para nós, o que está em primeira instância na vivência da criança no espaço é a dimensão da imaginação e criação. O brincar, nessa perspectiva, tem uma intensa relação com o espaço geográfico e com a vida em sociedade e com a sociedade na vida das crianças, com seus processos de desenvolvimento e humanização.

Biografia do Autor

Jader Janer Moreira Lopes, Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil

Possui graduação em Geografia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1989), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1998), doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2003) e pós-doutorado pelo Internationaler Promotionsstudiengang Erziehungswissenchaft/Psychologie - INEDD, da Universität Siegen, Alemanha. Atualmente é professor do programa de pós Graduação em Educação da Universidade Federal Fluminense e da Universidade Federal de Juiz de Fora, onde orienta mestrado e doutorado. Pesquisador da FAPERJ, do CNPq e CAPES. Atuou como membro do Grupo Gestor da Creche UFF. Coordenador do Grupo de Pesquisas e Estudos em Geografia da Infância (GRUPEGI). Vice coordenador do GT de Educação de Crianças de 0 a 7 anos da ANPED. Tem experiência na área de Geografia e Educação, Crianças e Infâncias, Desenvolvimento Humano e psicologia Histórico-cultural. Atua principalmente nos seguintes temas: Geografia - ensino/aprendizagem, Geografia da Infância e das Crianças, Educação Infantil, Desenvolvimento humano e Psicologia Histórico-cultural.

Endereço Profissional: Universidade Federal de Juiz de Fora (Campus UFJF) - Bairro São Pedro – Juiz de Fora – MG - CEP: 36.036-900.

E-mail: jjanergeo@gmail.com

Sara Rodrigues Vieira de Paula, Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil

Mestranda no Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora. Possui graduação em Pedagogia e Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e especialização em Estudos Literários pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa e Estudos em Geografia da Infância (GRUPEGI). Áreas de interesse: Geografia da Infância e das Crianças; Educação Infantil; Desenvolvimento Humano e Teoria histórico-cultural.

Endereço Profissional: Universidade Federal de Juiz de Fora (Campus UFJF) - Bairro São Pedro – Juiz de Fora – MG - CEP: 36.036-900.

E-mail: saravpaula@gmail.com

Publicado
06-02-2020
Edição
Seção
Artigos