O Cónego Januário e a literatura brasileira: a proposta do Parnazo

Autores

  • Francisco Topa Universidade do Porto, Porto, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.5216/sig.v29i1.44868

Palavras-chave:

Januário da Cunha Barbosa. Parnazo brasileiro. História literária.

Resumo

Depois de uma breve apresentação da figura e da obra do Cónego Januário da Cunha Barbosa (1780-1846), o artigo aborda a pioneira coletânea Parnazo Brasileiro, ou Collecção das melhores poezias dos poetas do Brasil, tanto ineditas, como ja impressas (1829-1832), discutindo o conceito de literatura brasileira que lhe está subjacente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Topa, Universidade do Porto, Porto, Portugal

Universidade do Porto, Portugal; Centro de Estudos Transdisciplinares “Cultura, Espaço e memória. Professor Associado com Agregação do Departamento de Estudos Portugueses e de Estudos Românicos.

Downloads

Publicado

2017-06-13

Como Citar

TOPA, F. O Cónego Januário e a literatura brasileira: a proposta do Parnazo. Signótica, Goiânia, v. 29, n. 1, p. 185–195, 2017. DOI: 10.5216/sig.v29i1.44868. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/sig/article/view/44868. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigo