Heterogeneidade composicional como estratégia de interação no discurso noticioso do rádio

  • Marcos Rogério Cintra Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
Palavras-chave: Gêneros radiofônicos, Notícia com entrevista, Processos de estruturação composicional.

Resumo

Neste artigo, discutimos como a elaboração híbrida de gêneros midiáticos contribui estrategicamente para o funcionamento discursivo. Tendo em vista a composição heterogênea de gêneros que circulam no rádio, mostramos que a notícia radiojornalística com entrevista pode ser composicionalmente descrita como um dos recursos estratégicos que envolvem os participantes da cena enunciativa. Partindo, inicialmente, de uma releitura dos estudos de Van Dijk ([1985]2010, [1986]1990) acerca da estruturação estratégica do discurso noticioso, nossa investigação permite concluir que a heterogeneidade composicional das notícias com entrevista constitui uma estratégia interacional que contribui para intensificar a percepção da factualidade das informações veiculadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Rogério Cintra, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri

Doutor em Linguística (UNICAMP)

Prof. de Linguística na UFVJM

Faculdade Interdisciplinar em Humanidades

Publicado
26-09-2012
Como Citar
Cintra, M. R. (2012). Heterogeneidade composicional como estratégia de interação no discurso noticioso do rádio. Signótica, 24(2), 367-384. https://doi.org/10.5216/sig.v24i2.19178
Seção
Artigo