Educação em tempos de pandemia: o contexto do ensino médico no Brasil

Autores

  • Sales José Lopes Gonçalves Rosa Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, saleslopesgr@discente.ufj.edu.br https://orcid.org/0000-0001-6120-4611
  • Nathalia Bandeira de Almeida Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, nathaliaalmeida@discente.ufj.edu.br https://orcid.org/0000-0003-4126-3088
  • Leandra de Jesus Sonego Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, jleandra@discente.ufj.edu.br
  • Ana Clara Santos Mundim Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, anaclarasmundim@discente.ufj.edu.br
  • Júlia Lisboa Mendes Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, julialisboa@discente.ufj.edu.br https://orcid.org/0000-0002-1097-0735
  • Marcela Lemes Marquez da Cunha Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, marcelalemes@discente.ufj.edu.br https://orcid.org/0000-0002-1530-4731
  • Verônica Clemente Ferreira Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, verosocio@ufj.edu.br https://orcid.org/0000-0003-1628-1823

DOI:

https://doi.org/10.5216/rir.v17i3.70330

Resumo

O mundo sofreu uma reviravolta em meados de 2020, após o início da Pandemia do SARS-CoV-2, em março de 2020. Com a educação médica no Brasil não foi diferente. Os alunos inseridos nas Escolas Médicas brasileiras vêm sofrendo com muitas incertezas. Todas as aulas práticas presenciais foram, inicialmente, proibidas; o retorno destas varia de escola para escola, e a forma como as aulas práticas retornarão constitui uma incógnita para a realidade de alunos das diferentes faculdades e universidades. Além disso, para as aulas teóricas e aulas práticas não presenciais, ainda há o problema da adaptação de alunos e professores às aulas ministradas de modo remoto. Desta forma, o presente estudo avalia, do ponto de vista de discentes e docentes da Medicina, as nuances em torno do complexo tema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sales José Lopes Gonçalves Rosa, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, saleslopesgr@discente.ufj.edu.br

Graduando em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Membro da Liga Acadêmica de Pediatria de Jataí (LAPEJ). Extensionista no projeto "Be_immune", que promove educação em saúde sobre imunologia, e no projeto "HistoPrint - A Histologia em suas mãos", que alcançou o 5º lugar no Desafio do Centro de Empreendedorismo e Incubação da UFG (CEI) e foi finalista no 1° Desafio de Inovação da UFJ. 

Nathalia Bandeira de Almeida, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, nathaliaalmeida@discente.ufj.edu.br

Graduanda em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Membro da Liga Acadêmica de Oncologia (ONCOLIGA). Presidente do Comitê da Federação Internacional de Associações de Estudantes de Medicina (IFMSA) na UFJ. Vínculo institucional nos programas PROVEC e PIBIC/UFJ. Extensionista no projeto "O toque pela vida: Outubro Rosa e Novembro Azul".

Leandra de Jesus Sonego, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, jleandra@discente.ufj.edu.br

Graduanda em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Membro da Liga Acadêmica de Genética Médica (LAGEM) e da Liga Acadêmica de Cirurgia (LAC). Vínculo institucional no programa PROVEC.

Ana Clara Santos Mundim, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, anaclarasmundim@discente.ufj.edu.br

Graduanda em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Vínculo institucional nos programas PROVEC e PIVIC. Extensionista nos projetos "O toque pela vida: Outubro Rosa e Novembro Azul", "Ambulatório de Terapia Celular e Cicatrização (AMTEC)" e "Grupos de estudo em Anatomia Humana e elaboração de material didático como forma de incentivo a prática docente". Em relação a projetos de pesquisa, atuo em pesquisa focada na análise do perfil imunológico de pacientes com hanseníase em Jataí (GO).

Júlia Lisboa Mendes, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, julialisboa@discente.ufj.edu.br

Graduanda em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Monitora do módulo Práticas da Integralidade ao Método Clínico II nos períodos letivos de 2019/1 e 2020/2. Extensionista no projeto "O toque pela vida: Outubro Rosa e Novembro Azul".

Marcela Lemes Marquez da Cunha, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, marcelalemes@discente.ufj.edu.br

Graduanda em Medicina pela Universidade Federal de Jataí (UFJ). Membro da gestão 2021 do Centro Acadêmico de Medicina de Jataí (CAMEJ). Membro da Liga Acadêmica de Emergencia e Trauma (LAET). Vínculo institucional no programa PIVIC.

Verônica Clemente Ferreira, Universidade Federal de Jataí (UFJ), Jataí, Goiás, Brasil, verosocio@ufj.edu.br

Professora do curso de Medicina da Universidade Federal de Jataí. Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas, mestrado em Ciência Política (2005) e Doutorado em Ciências Sociais (2014), ambos pela Universidade Estadual de Campinas (2014). Aluna de pós-graduação (especialização) em Educação em Saúde pelo Instituto Faimer - Brasil. Foi professora substituta de Ciência Política na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP) Campus de Araraquara e de Sociologia na Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Tem experiência nas áreas de Ciência Política, Sociologia do Trabalho e Sociologia da Saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: relações de gênero, relações de trabalho, saúde do trabalho, desemprego, educação em saúde e condicionantes sociais do processo saúde-doença.

Downloads

Publicado

2021-10-23

Como Citar

JOSÉ LOPES GONÇALVES ROSA, S.; BANDEIRA DE ALMEIDA, N.; DE JESUS SONEGO, L.; CLARA SANTOS MUNDIM, A.; LISBOA MENDES, J.; LEMES MARQUEZ DA CUNHA, M.; CLEMENTE FERREIRA, V. Educação em tempos de pandemia: o contexto do ensino médico no Brasil. Itinerarius Reflectionis, Goiânia, v. 17, n. 3, p. 18–33, 2021. DOI: 10.5216/rir.v17i3.70330. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/rir/article/view/70330. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Educação Médica e Tensões Educacionais