Relíquias da terra do ouro: ensaio visual comentado

Autores

  • Elio Moroni Filho Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, moronifilho@hotmail.com.br https://orcid.org/0000-0003-1191-1005

Resumo

Este trabalho descreve elementos formais/estilísticos, materiais e técnicas construtivas de edifícios e bens integrados do acervo arquitetônico religioso setecentista de dois municípios do Quadrilátero Ferrífero, em Minas Gerais: Mariana e Ouro Preto. A pesquisa documental e o estudo de campo foram os delineamentos de pesquisa utilizados para se alcançar o objetivo deste trabalho. Utilizaram-se a fotografia documental e a observação como principais procedimentos de coleta de dados. Os objetos sugerem o acesso de construtores e artistas a modelos europeus de arquitetura e ornamentação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elio Moroni Filho, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, moronifilho@hotmail.com.br

Pós-doutorado em História da Arte pela Universidade Federal de São Paulo (2020). Doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos (2006). Mestrado em História Econômica pela Universidade Estadual Paulista – Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara (2001). Graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de São Carlos (1996). Está vinculado, desde 2018, ao grupo de pesquisa Literatura Arquitetônica: narrativas e representações da arquitetura e da cidade como patrimônio cultural, do Programa de Pós-Graduação em História da Arte da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP.

Downloads

Publicado

2020-12-11

Como Citar

FILHO, E. M. . Relíquias da terra do ouro: ensaio visual comentado. Revista UFG, Goiânia, v. 20, n. 26, 2020. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/66220. Acesso em: 28 jun. 2022.

Edição

Seção

Ensaio Visual