PERCEPÇÃO AMBIENTAL COMO AVALIAÇÃO DA EFETIVIDADE DA APA DOS PIRENEUS – GOIÁS (DOI:10.5216/reec.V10i1.34065)

Autores

  • Dayan de Loyola Ramos Garcia Assessor Técnico na Incubadora Social da UFG, Universidade Federal de Goiás
  • Katia Kopp Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás
  • Emiliano Lôbo de Godoi Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.5216/reec.v10i1.34065

Resumo

RESUMO: No Brasil as chamadas Unidades de Conservação (UCs), são áreas com limites territoriais estabelecidos por Lei, abrangendo recursos ambientais destinados à conservação. Partindo da preocupação com a efetividade das unidades de conversação devido a não participação da população local na gestão, nesse trabalho realizou-se um levantamento do conhecimento dos residentes de uma UC acerca dos objetivos desta e dos usos da biodiversidade e dos recursos hídricos. A UC estudada foi a Área de Proteção Ambiental dos Pireneus na intersecção dos Municípios goianos de Pirenópolis, Corumbá de Goiás e Cocalzinho de Goiás. Para coleta dos dados foram utilizados questionários, que posteriormente foram categorizados e estatisticamente analisados. Verificou-se que poucos entrevistados souberam ao certo as funcionalidades da APA dos Pireneus e que existe muita confusão conceitual por parte da população residente na APA. [Principal Contribuição] Constatou-se a importância da divulgação da APA pelo poder público e a necessidade de integração da população local no processo de gestão da unidade. ABSTRACT: In Brazil the Protected Areas calls (PAs), are areas with boundaries established by law, including environmental resources for conservation. Starting from the concern about the effectiveness of protected areas due to non participation of local people in management, in this work we carried out a survey of the knowledge of residents of a UC about the objectives of this and about the uses of biodiversity and water resources. The PA studied was the Environmental Protection Area of the Pirineus at the intersection of Municipalities of Goiás, Pirenópolis, Corumbá de Goiás and Cocalzinho of Goiás. Questionnaires were used to collect data, which were then categorized and analyzed statistically. It was found that few respondents knew what were the functions of the APA Pirineus and there is much conceptual confusion on the part of the resident population in the APA. [Main Contribution] It was noted the importance of disseminating the APA by the government and the need for integration of local people in protected area management process.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dayan de Loyola Ramos Garcia, Assessor Técnico na Incubadora Social da UFG, Universidade Federal de Goiás

Engenheiro Ambiental e Sanitarista, Assessor Técnico na Incubadora Social da UFG, Universidade Federal de Goiás

Katia Kopp, Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás

Bióloga, Professora do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária e do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária (PPGEAS), Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás

Emiliano Lôbo de Godoi, Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás

Engenheiro Agrônomo, Professor do Curso de Engenharia Ambiental, Escola de Engenharia Civil, Universidade Federal de Goiás

Downloads

Publicado

15-07-2015

Como Citar

de Loyola Ramos Garcia, D., Kopp, K., & Lôbo de Godoi, E. (2015). PERCEPÇÃO AMBIENTAL COMO AVALIAÇÃO DA EFETIVIDADE DA APA DOS PIRENEUS – GOIÁS (DOI:10.5216/reec.V10i1.34065). REEC - Revista Eletrônica De Engenharia Civil, 10(1). https://doi.org/10.5216/reec.v10i1.34065

Edição

Seção

Meio Ambiente