[1]
L. M. B. Frison e M. A. C. de Moraes, “AS PRÁTICAS DE MONITORIA COMO POSSIBILITADORAS DOS PROCESSOS DE AUTORREGULAÇÃO DAS APRENDIZAGENS DISCENTES”, RPPoi, vol. 8, nº 2, p. 144–158, abr. 2011.