DO ARQUIVO ESCOLAR À ESCRITA DA HISTÓRIA DA INSTITUIÇÃO EDUCATIVA CONFESSIONAL CATÓLICA FEMININA DO INTERIOR PAULISTA (1918-1961)

Autores

  • Alessandra Cristina Furtado Universidade Federal da Grande Dourados

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v12i2.33675

Resumo

Os arquivos escolares e seus documentos têm alcançado importância e visibilidade na pesquisa sobre a história das instituições educativas. O presente artigo tem como objetivo discutir as possibilidades e os limites que os documentos do arquivo do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, de Ribeirão Preto, oferecem para a escrita da história desta instituição feminina católica, no período de 1918 a 1961. O recorte temporal corresponde a momentos significativos da história do Colégio, da História da Educação e da Política Educacional Brasileira. Este trabalho orienta-se na perspectiva de análise da Nova História Cultural que, como vertente interpretativa, vem marcando a produção historiográfica educacional contemporânea. A metodologia utilizada é caracterizada como uma pesquisa documental, uma vez que, na investigação empreendida no arquivo do colégio, foi possível localizar uma documentação importante para o estudo da história desta instituição e de sua cultura escolar. Apesar de a documentação desse arquivo fornecer elementos importantes para esta pesquisa, ela apresenta limites para a organização e construção dessa história institucional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

29-03-2016

Como Citar

Furtado, A. C. (2016). DO ARQUIVO ESCOLAR À ESCRITA DA HISTÓRIA DA INSTITUIÇÃO EDUCATIVA CONFESSIONAL CATÓLICA FEMININA DO INTERIOR PAULISTA (1918-1961). Poíesis Pedagógica, 12(2), 171–191. https://doi.org/10.5216/rpp.v12i2.33675