EDUCAÇÃO INCLUSIVA: FUNDAMENTOS E POSSIBILIDADES PARA O TRABALHO DOCENTE

Autores

  • Raclene Ataide de Faria Universidade Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v12i1.31216

Resumo

Os debates sobre a escolarização de pessoas com deficiência nas escolas regulares,
desde os anos de 1990, se intensificaram significativamente, sobretudo, pela participação do
Brasil em acordos internacionais sobre a temática e a consequente materialização de tais
acordos nas políticas públicas educacionais brasileiras. Este artigo apresenta o contexto
histórico, político e social de construção desse “novo” paradigma educacional, o inclusivo,
objetivando responder a questionamentos frequentes de docentes da educação básica, em
cursos de formação continuada que ministro em Goiânia e Aparecida de Goiânia, sobre como
trabalhar com qualidade com turmas tão heterogêneas. A origem dos movimentos
reivindicatórios de escolarização de pessoas com deficiência ocorreu na Europa, liderado por
mães e pais de pessoas com deficiência que clamavam por educação, pesquisas e cuidados
especiais para suas/seus filhas/os tendo alcançado repercussão mundial. Trata-se de pesquisa
bibliográfica cujo aporte teórico principal, dentre outros, é Alonso (2009), Goffman (1975),
Mantoan (2003, 2006 e 2009), Mazzotta (2005), Rego (2010) e Silva (2007). A educação
inclusiva provoca o repensar da educação, da estrutura pedagógica, da capacidade de todas/os
aprenderem, do trabalho pedagógico docente e das responsabilidades de cada parte
educadoras/es, gestoras/es, governo, família e sociedade. É um paradigma educacional para a
edificação de novas relações sociais mais justas, democráticas e acolhedoras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-07-22

Como Citar

FARIA, R. A. de. EDUCAÇÃO INCLUSIVA: FUNDAMENTOS E POSSIBILIDADES PARA O TRABALHO DOCENTE. Poíesis Pedagógica, Goiânia, v. 12, n. 1, p. 173–196, 2014. DOI: 10.5216/rpp.v12i1.31216. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/poiesis/article/view/31216. Acesso em: 28 maio. 2022.