NIETZSCHE, A HONESTIDADE E O PROJETO NATIMORTO DO NOVO <em>AUFKLÄRUNG</em>

  • Danilo Bilate UFRJ
Palavras-chave: Aufklärung, Razão, Verdade, Honestidade.

Resumo

Analisaremos o sentido implícito no projeto nietzschiano do livro que teria como título “O novo Aufklärung”, esboçado nos póstumos e nunca publicado, como sintoma da importante e enigmática relação de seu pensamento com os conceitos de “razão” e de “verdade”. Nesse intento, será questionada a tentativa de divisão cronológica da obra de Nietzsche, na medida em que se mostrará que a honestidade é a marca central de seu pensamento desde os elogios abertos ao Aufklärung feitos na década de 1870 até a crítica e a completa omissão do nome do movimento cultural das Luzes nos escritos da década de 1880, que acompanham a reconceitualização da “razão” e da “verdade” realizada pela perspectiva axiológica da genealogia presente no pensamento de Nietzsche apenas no final de sua vida produtiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danilo Bilate, UFRJ
Doutorando Filosofia UFRJ
Publicado
30-12-2011
Como Citar
Bilate, D. (2011). NIETZSCHE, A HONESTIDADE E O PROJETO NATIMORTO DO NOVO <em>AUFKLÄRUNG</em&gt;. Philósophos - Revista De Filosofia, 16(2), DOI: 10.5216/phi.v16i2.10314. https://doi.org/10.5216/phi.v16i2.10314
Seção
Artigos Originais