Efeitos de variáveis meteorológicas no amadurecimento de cana-de-açúcar no vale do rio Cauca, Colômbia

  • Carlos Andrés Unigarro Muñoz Centro Nacional de Investigaciones de Café - Cenicafé
  • Fernando de Jesús Villegas Trujillo Cenicaña

Resumo

O amadurecimento da cana-de-açúcar é condicionado pela interação entre os fatores biológicos da cultura e o clima. Objetivou-se avaliar os efeitos de algumas variáveis meteorológicas sobre o teor de sacarose, durante o período de maturação, no vale do rio Cauca (Colômbia). As avaliações foram realizadas em sete localidades, durante quatro períodos, cada um com duração de três meses. As variáveis meteorológicas de temperatura máxima, média e mínima do ar, déficit de pressão de vapor diurno e precipitação foram avaliadas em relação à variável sacarose (% cana). Os resultados mostraram que uma baixa precipitação e um alto déficit de pressão de vapor aumentaram o teor de sacarose nos colmos. Altas temperaturas mínimas durante a maturação diminuíram os níveis de sacarose, embora seu efeito fosse menos perceptível do que o mencionado anteriormente. As condições meteorológicas nas diferentes localidades causaram diferenças substanciais na concentração de sacarose dos colmos, principalmente durante o início da fase de maturação. No entanto, essas diferenças foram reduzidas pela idade da colheita e pelos períodos de ocorrência de chuvas ou secas.

PALAVRAS-CHAVE: Sacarose, déficit de pressão de vapor, temperatura mínima.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Andrés Unigarro Muñoz, Centro Nacional de Investigaciones de Café - Cenicafé
Plant Physiology
Publicado
06-05-2020
Como Citar
UNIGARRO MUÑOZ, C. A.; VILLEGAS TRUJILLO, F. DE J. Efeitos de variáveis meteorológicas no amadurecimento de cana-de-açúcar no vale do rio Cauca, Colômbia. Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 50, p. e60815, 6 maio 2020.
Seção
Artigo Científico