Zoneamento de aptidão edafoclimática de Bambusa vulgaris e Dendrocalamus giganteus para o Brasil

  • Karina Rodrigues Santos Universidade Federal de Lavras
  • Patrícia Vieira Pompeu Universidade de São Paulo
  • Lucas Amaral de Melo Universidade Federal de Lavras
  • Renato Luiz Grisi Macedo Universidade Federal de Lavras
  • Soraya Alvarenga Botelho Universidade Federal de Lavras

Resumo

O uso de materiais renováveis ​​e processos mais sustentáveis ​​são essenciais para minimizar os impactos negativos do crescimento populacional. O bambu é uma alternativa viável, porque é um produto com propriedades potenciais de substituição à madeira. No entanto, para obter um bom rendimento, é necessário identificar locais adequados para a silvicultura das espécies. Objetivou-se prever áreas favoráveis ​​ao melhor estabelecimento e desenvolvimento de Bambusa vulgaris e Dendrocalamus giganteus, em território brasileiro, funcionando como um zoneamento de aptidão edafoclimática que pode subsidiar a tomada de decisões. Utilizaram-se pontos georreferenciados de ocorrência natural das espécies, coletados em herbário virtual. As variáveis ambientais foram extraídas das bases de dados WorldClim, MOD16 e SoilGrids. Para selecionar o conjunto de variáveis a ser utilizado na modelagem de cada espécie, foi realizado um teste de correlação. A partir deste resultado, dez variáveis ambientais foram utilizadas para cada espécie, e variáveis não correlacionadas foram escolhidas. Uma análise de componentes principais foi aplicada para selecionar as variáveis que mais explicam a variabilidade. Para o mapa de distribuição, foi utilizado o algoritmo Maxent, baseado no princípio da entropia máxima, avaliado por meio das métricas AUC e TSS. B. vulgaris apresentou uma grande área para adaptação no território brasileiro, ao contrário da espécie D. giganteus, que mostrou área de aptidão limitada.

PALAVRAS-CHAVE: Modelagem de distribuição de espécies, bambu, georreferenciamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina Rodrigues Santos, Universidade Federal de Lavras
Mestre em Engenharia Florestal, com ênfase em Genética e Silvicultura
Publicado
04-04-2019
Como Citar
SANTOS, K.; POMPEU, P.; DE MELO, L.; MACEDO, R. L.; BOTELHO, S. Zoneamento de aptidão edafoclimática de Bambusa vulgaris e Dendrocalamus giganteus para o Brasil. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 49, p. e53713, 4 abr. 2019.
Seção
Suplemento Especial: Bambu