CUSTO E RENTABILIDADE NA PRODUÇÃO DE BATATA-DOCE NOS PERÍMETROS IRRIGADOS DE ITABAIANA, SERGIPE

  • Alberto Soares de Melo Universidade Estadual da Paraíba
  • Bráulio Carli Costa Universidade Federal de Sergipe
  • Marcos Eric Barbosa Brito Universidade Federal de Campina Grande
  • Antenor Oliveira Aguiar Netto Universidade Federal de Sergipe
  • Pedro Roberto Almeida Viégas Universidade Federal de Sergipe
Palavras-chave: Ipomoea batatas, viabilidade econômica, renda bruta, margem líquida, irrigação

Resumo

Numa atividade agrícola moderna, torna-se necessário conhecer o custo operacional total, que reflete o custo de produção global, além da participação relativa dos itens do custo operacional efetivo, o qual reflete os custos variáveis ou os dispêndios efetivamente realizados, como os encargos administrativos. Assim, objetivou-se avaliar a rentabilidade da cultura da batata-doce cv. Brazlândia irrigada, por meio da estimativa do custo de produção e da rentabilidade, visando à obtenção de subsídios para a organização dos produtores locais. O trabalho foi realizado nos perímetros irrigados Jacarecica e Poção da Ribeira, localizados no município de Itabaiana, Estado de Sergipe, utilizando-se a metodologia do custo de produção adotado pelo Instituto de Economia Agrícola (IEA), de São Paulo. Foram calculados os custos fixos e variáveis, a margem líquida e a taxa de retorno, durante um ano de exploração agrícola. Os resultados indicam a necessidade de dispêndios de R$ 11.186,25, sendo R$ 13.824,55 o custo operacional total. A receita bruta foi equivalente a R$ 26.136,00, resultando em margem líquida de R$ 12.331,45 e taxa de retorno equivalente a 89%, indicando que a cultura da batata-doce é uma alternativa de cultivo viável para a agricultura irrigada.

 

PALAVRAS-CHAVE: Ipomoea batatas; viabilidade econômica; renda bruta; margem líquida; irrigação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alberto Soares de Melo, Universidade Estadual da Paraíba
Departamento de Ciências Agrárias; àrea: Agronomia - Fisiologia de plantas cultivadas e necessidades hídricas de plantas.
Bráulio Carli Costa, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Agronômica

Fitotecnia

Marcos Eric Barbosa Brito, Universidade Federal de Campina Grande

Departamento de Engenharia Agrícola

Irrigaçãoe Drenagem

Antenor Oliveira Aguiar Netto, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Agronômica

Manejo de Irrigação

Pedro Roberto Almeida Viégas, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Agronômica

Fitotecnia

Publicado
29-05-2009
Como Citar
MELO, A.; COSTA, B.; BRITO, M. E.; AGUIAR NETTO, A.; VIÉGAS, P. R. CUSTO E RENTABILIDADE NA PRODUÇÃO DE BATATA-DOCE NOS PERÍMETROS IRRIGADOS DE ITABAIANA, SERGIPE. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 39, n. 2, p. 119-123, 29 maio 2009.
Seção
Artigos Científicos