Efeito de irrigação e adubação nitrogenada nas características agronômicas de milho doce

Autores

  • Epitácio José de Souza
  • Fernando França da Cunha UFVJM
  • Fernando Fagner Magalhães
  • Thiago Ramos da Silva
  • Osvaldir Feliciano dos Santos

Palavras-chave:

Zea mays var. Saccharata Sturt, irrigação por gotejamento, milhos especiais, eficiência do uso de água.

Resumo

A irrigação e a adubação nitrogenada são práticas de manejo que apresentam resultados positivos para a cultura do milho. Objetivou-se avaliar o efeito da adubação nitrogenada em cobertura e lâminas de irrigação sobre as características agronômicas de milho doce. Dois experimentos foram conduzidos em duas épocas de cultivo (inverno/primavera e verão/outono), em parcelas subdivididas, tendo-se nas parcelas quatro lâminas de irrigação (50 %, 75 %, 100 % e 125 % da evapotranspiração da cultura - ETc) e nas subparcelas quatro doses de nitrogênio em cobertura (0 kg ha-1, 100 kg ha-1, 200 kg ha-1 e 300 kg ha-1), aplicadas nos estádios V3 e V8, via ureia, em delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições. Foram avaliados o teor de nitrogênio foliar, profundidade de raízes, altura de planta, diâmetro de colmo, produtividade de espigas e eficiência do uso da água. No inverno/primavera, a adubação nitrogenada não afetou a produtividade, enquanto, no verão/outono, a dose que maximizou a produtividade foi de 300 kg ha-1. O milho doce apresentou melhores resultados quando irrigado com reposições de 50 % e 125 % da ETc, respectivamente no verão/outono e inverno/primavera.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

09-09-2015

Como Citar

SOUZA, E. J. de; CUNHA, F. F. da; MAGALHÃES, F. F.; SILVA, T. R. da; SANTOS, O. F. dos. Efeito de irrigação e adubação nitrogenada nas características agronômicas de milho doce. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 45, n. 3, p. 282–290, 2015. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/33628. Acesso em: 26 jun. 2022.

Edição

Seção

Produção Vegetal