ESTUDO DA PREVALÊNCIA DE OTITES CLÍNICAS POR Rhabditis sp. EM BOVINOS DA RAÇA GIR NO ESTADO DE GOIÁS

Autores

  • Maria Cristina de Medeiros Vieira
  • Luiz Antônio Franco da Silva UFG
  • Naida Cristina Borges UFG
  • José Luiz de Barros Araújo IPTESP/UFG
  • Ana Paula Iglesias Santin CNPq
  • Edinilson Vieira Silva Emater-GO

Palavras-chave:

Bovino, gir, Rhabditis, otite, prevalência

Resumo

Neste trabalho estudou-se a prevalência de otites clínicas por Rhabditis sp. em bovinos da raça Gir no Estado de Goiás, no período de julho a dezembro de 1997. Durante o estudo foram registrados dados sobre temperatura, umidade relativa do ar e precipitação pluviométrica, com a finalidade de verificar a correlação desses parâmetros com a prevalência de otites clínicas por Rhabditis sp. Amostras de descargas auriculares foram colhidas através de zaragatoas de 255 animais provenientes de 12 propriedades. A freqüência de animais positivos para a parasitose variou de 30% a 95%. A prevalência de otite clínica por Rhabditis sp. em bovinos adultos da raça Gir foi de 78,43%, não ficando, porém, evidenciada a influência sazonal sobre a doença.

PALAVRAS-CHAVE: Bovino; gir; Rhabditis; otite; prevalência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19-12-2007

Como Citar

VIEIRA, M. C. de M.; SILVA, L. A. F. da; BORGES, N. C.; ARAÚJO, J. L. de B.; SANTIN, A. P. I.; SILVA, E. V. ESTUDO DA PREVALÊNCIA DE OTITES CLÍNICAS POR Rhabditis sp. EM BOVINOS DA RAÇA GIR NO ESTADO DE GOIÁS. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 28, n. 2, p. 19–29, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2992. Acesso em: 26 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico