MARGEM BRUTA: PLANTIO DIRETO - TRAÇÃO ANIMAL. ASSOCIAÇÃO DE PEQUENOS AGRICULTORES DO SERRA ABAIXO (APASA), 1996

Autores

  • Dorival Gomes Geraldine UFG
  • Clayton Luiz de Melo Nunes UFG
  • Rogério de Araújo Almeida UFG

Palavras-chave:

Plantio direto, tração animal, margem bruta, custo operacional

Resumo

Entendendo a necessidade de se buscarem novas alternativas de produção para o pequeno produtor rural, os componentes do Grupo Goyaz - Ensino, Pesquisa e Extensão vêm desenvolvendo trabalhos junto à Associação de Pequenos Agricultores do Serra Abaixo (APASA), no município de Inhumas (GO). Nesta pesquisa, utilizou-se de dados coletados através de questionários sobre o desenvolvimento da cultura do milho verde (Zea rnays L.) semeado pelos agricultores em dez diferentes áreas, totalizando 33.370 m², no período de 10/08/1996 a 18/10/1996, em sistema de plantio direto-tração animal. O principais objetivos da pesquisa foram determinar o custo operacional, a renda bruta, os índices de utilização da mão-de-obra e capital e desenvolver a análise econômico-financeira dos resultados obtidos para a cultura do milho verde, sob as condições de campo. Todos os agricultores obtiveram resultados financeiros positivos expressos na margem bruta/ha, que variou individualmente de cerca de 3 a 15 salários mínimos para o período de 100 dias. Com relação à renda esperada e ao custo operacional, obteve-se um parâmetro médio de 2,56 vezes.

PALAVRAS-CHAVE: Plantio direto; tração animal; margem bruta; custo operacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19-12-2007

Como Citar

GERALDINE, D. G.; NUNES, C. L. de M.; ALMEIDA, R. de A. MARGEM BRUTA: PLANTIO DIRETO - TRAÇÃO ANIMAL. ASSOCIAÇÃO DE PEQUENOS AGRICULTORES DO SERRA ABAIXO (APASA), 1996. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 28, n. 2, p. 1–12, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2990. Acesso em: 26 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico