AVALIAÇÃO DO GRÃO DE MILHETO (Pennisetum americanum) EM SUBSTITUIÇÃO AO MILHO (Zea mays) EM RAÇÕES PARA CABRAS EM LACTAÇÃO

  • Aldi Fernandes de souza França UFG
  • Miguel Joaquim Dias UFG
  • Geisa Fleury Orsine UFG
  • João Teodoro de Pádua UFG
Palavras-chave: Milheto, ração, cabras, lactação

Resumo

A adoção do sistema de plantio direto na região Centro-Oeste, notadamente nos Estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, fez com que a cultura do milheto se expandisse na região, tendo em vista o seu alto potencial de produção de biomassa, a qual é utilizada para cobertura morta do solo no referido sistema. Entretanto, além da biomassa, a cultura considerada como um excedente ou subproduto, vem sendo testada na formulação de ração para animais domésticos. O presente trabalho foi conduzido no Setor de Caprinocultura da Escola de Veterinária / UFG, tendo como objetivo avaliar a substituição do milho pelo grão de rnilheto, na formulação de rações para cabras em lactação. Dezesseis cabras da raça Alpina foram distribuídas em um delineamento em quadrado latino e submetidas a quatro tratamentos com níveis crescentes de substituição, assim constituídos: T1 - 0%; T2 - 33%; T3 - 66% e T4 - 99%. Os resultados obtidos pelas análises foram tabulados e, posteriormente, submetidos à análise de variância, que evidenciou efeito não significativo (P>0,05) dos tratamentos sobre a produção de leite, matéria graxa (MG), matéria mineral (MM), extrato seco total (EST), extrato seco desengordurado (ESD), acidez (AC) e crioscopia (CRIO), enquanto a proteína bruta não foi influenciada (P>0,05).

PALAVRAS-CHAVE: Milheto; ração; cabras; lactação.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
18-12-2007
Como Citar
FRANÇA, A.; DIAS, M.; ORSINE, G.; PÁDUA, J. AVALIAÇÃO DO GRÃO DE MILHETO (Pennisetum americanum) EM SUBSTITUIÇÃO AO MILHO (Zea mays) EM RAÇÕES PARA CABRAS EM LACTAÇÃO. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 27, n. 1, p. 121-126, 18 dez. 2007.
Seção
Artigo Científico