COMPARAÇÃO ENTRE O MÉTODO SMP E O DO ACETATO DE CÁLCIO PARA DETRMINAÇÃO DA ACIDEZ POTENCIAL DE SOLOS DE CERRADO

Autores

  • Juarez Patrício de Oliveira Júnior UFG
  • José Xavier de Almeida Neto UFG
  • Huberto José Kliemann UFG
  • Orlando Cavalcante de Castro UFG

Palavras-chave:

pH SMP, acidez potencial do solo, solos do cerrado goiano

Resumo

Para se estabelecer uma curva de correlação entre a acidez potencial do solo e o pH SMP, foram estudadas 472 amostras de solos do cerrado goiano, as quais foram submetidas a análises laboratoriais para se determinarem os teores de H + Al pelo método do acetato de cálcio a pH 7,0 e o pH SMP e pH em água. A curva encontrada mostrou existir coeficiente de determinação do modelo, demonstrando haver correlação (r² = 0,82) entre o pH SMP e o teor de H + Al nos solos analisados, permitindo substituir, em nível de laboratório, a análise da acidez potencial pela utilização da fórmula obtida (y = 222,54 + 29,83x - 164,7 1x^0.5).

PALAVRAS-CHAVE: pH SMP; acidez potencial do solo; solos do cerrado goiano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

17-12-2007

Como Citar

OLIVEIRA JÚNIOR, J. P. de; ALMEIDA NETO, J. X. de; KLIEMANN, H. J.; CASTRO, O. C. de. COMPARAÇÃO ENTRE O MÉTODO SMP E O DO ACETATO DE CÁLCIO PARA DETRMINAÇÃO DA ACIDEZ POTENCIAL DE SOLOS DE CERRADO. Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 26, n. 1, p. 65–70, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2927. Acesso em: 11 maio. 2021.

Edição

Seção

Artigo Científico