COMPARAÇÃO DE SISTEMAS DE COLHEITA MECANIZADA E SEMIMECANIZADA NA PERDA, DANO MECÂNICO E IMPUREZA DE GRÃOS NA CULTURA DO FEIJOEIRO (Phaseolus vulgaris L.)

  • Luciano Rodrigo Machado Costa UFG
  • Antônio Pasqualetto UFG
Palavras-chave: Feijão, culturas anuais, mecanização agrícola

Resumo

As dificuldades constatadas na colheita mecanizada do feijoeiro ainda constitui em um obstáculo para a expansão da cultura. Diante disto, o CNPAF vem se esforçando para o melhoramento da espécie buscando características adequadas à colheita mecanizada. A cultivar Safira atende a este objetivo. Neste sentido foi realizado um experimento na Fazenda Três Irmãos, no município de Santa Helena de Goiás (GO), onde se compararam três sistemas de colheita, objetivando avaliar perdas de grãos, bem como a qualidade do produto colhido, através da análise de grãos quebrados e impurezas, na cultivar Safira. Os resultados demonstraram que a colheita mecanizada do feijoeiro para a cultivar Safira é viável. A automotriz recolhedora causa menor perda de grãos, mas o dano mecânico é elevado; a recolhedora-trilhadora apresentou perda satisfatória, apesar de exigir manuseio adequado.

PALAVRAS-CHAVE: Feijão; culturas anuais; mecanização agrícola.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
13-12-2007
Como Citar
COSTA, L.; PASQUALETTO, A. COMPARAÇÃO DE SISTEMAS DE COLHEITA MECANIZADA E SEMIMECANIZADA NA PERDA, DANO MECÂNICO E IMPUREZA DE GRÃOS NA CULTURA DO FEIJOEIRO (Phaseolus vulgaris L.). Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 29, n. 1, p. 35-38, 13 dez. 2007.
Seção
Artigo Científico