NOVA OCORRÊNCIA DE Bentonia longicornis ACHTERBERG, 1992 (HYMENOPTERA, BRACONIDAE, ORGILINAE) PARA O BRASIL

Autores

  • Carlos Henrique Marchiori
  • Ândersen Terra de Oliveira
  • Angélica Maria Penteado-Dias
  • Denise Scatolini

Palavras-chave:

Insecta, Hymenoptera, Braconidae, Orgilinae, parasitóide

Resumo

O objetivo do estudo foi reportar a primeira ocorrência do parasitóide Bentonia longicornis, em Itumbiara, GO. O material estudado foi coletado em áreas de pastagem e mata nativa, utilizando-se bacias amarelas com água, no período de janeiro a dezembro de 1998. Coletas semanais foram feitas usando-se 10 armadilhas amarelas com água, 5 colocadas nos pastos e 5 em vegetação nativa próxima. Estas armadilhas foram feitas com bacias amarelas medindo cerca de 30 cm de diâmetro e 12 cm de altura, e preenchidas com dois litros de água, 2 ml de detergente e 2 ml de formol. Durante o ano de 1998, 61 espécimes de B. longicornis foram coletados.

PALAVRAS-CHAVE: Insecta; Hymenoptera; Braconidae; Orgilinae; parasitóide.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Henrique Marchiori

 

 

Ândersen Terra de Oliveira


Angélica Maria Penteado-Dias


Downloads

Publicado

13-12-2007

Como Citar

MARCHIORI, C. H.; OLIVEIRA, Ândersen T. de; PENTEADO-DIAS, A. M.; SCATOLINI, D. NOVA OCORRÊNCIA DE Bentonia longicornis ACHTERBERG, 1992 (HYMENOPTERA, BRACONIDAE, ORGILINAE) PARA O BRASIL. Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 30, n. 1, p. 103–104, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2872. Acesso em: 3 ago. 2021.

Edição

Seção

Nota Científica