MAPEAMENTO DAS ÁREAS SUSCETÍVEIS À EROSÃO HÍDRICA NOS MUNICÍPIOS DE CALDAS NOVAS, NOVA AMÉRICA E RIO QUENTE (GO)

Autores

  • Rodrigo de Oliveira Barsi UFG
  • Luiz Fernando Coutinho de Oliveira UFG
  • Patrícia de Araújo Romão UFG

Palavras-chave:

Erosão, sistema de informação geográfica, conservação do solo

Resumo

A importância de mapear as áreas suscetíveis à erosão hídrica nos municípios de Caldas Novas, Nova América e Rio Quente deve-se ao fato de que eles apresentaram os maiores índices de precipitação pluviométrica e pelo potencial que os mesmos representam para o estado de Goiás, principalmente o turístico. Na elaboração desses mapas, estabeleceram-se preliminarmente os planos de informação referentes às classes de solo, à declividade e ao uso do solo através de digitalização, empregando o software SGI/INPE, e a espacialização da intensidade de precipitação com duração de 30 minutos sobre a base cartográfica dos municípios, obtendo assim os mapas temáticos. Através do cruzamento dos mapas temáticos, foram classificadas e mapeadas as áreas suscetíveis à erosão hídrica. A metodologia empregada mostrou-se satisfatória, permitindo gerar os mapas temáticos das áreas suscetíveis à erosão hídrica nos municípios estudados que servirão de orientação para os trabalhos de campo.

PALAVRAS-CHAVE: Erosão; sistema de informação geográfica; conservação do solo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

13-12-2007

Como Citar

BARSI, R. de O.; OLIVEIRA, L. F. C. de; ROMÃO, P. de A. MAPEAMENTO DAS ÁREAS SUSCETÍVEIS À EROSÃO HÍDRICA NOS MUNICÍPIOS DE CALDAS NOVAS, NOVA AMÉRICA E RIO QUENTE (GO). Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 29, n. 2, p. 151–155, 2007. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2867. Acesso em: 19 abr. 2021.

Edição

Seção

Artigo Científico