Manejo da adubação na cultura do feijão em sistema de produção orgânico

Autores

  • Leandro Barradas Pereira Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Socioeconomia, Ilha Solteira, SP, Brasil.
  • Orivaldo Arf Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Socioeconomia, Ilha Solteira, SP, Brasil.
  • Neli Cristina Belmiro dos Santos Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), Pólo Regional do Extremo Oeste, Andradina, SP, Brasil.
  • Aline Estela Zini de Oliveira Escola Técnica Estadual Sebastiana Augusta de Moraes, Andradina, SP, Brasil.
  • Lauro Kenji Komuro Escola Técnica Estadual Sebastiana Augusta de Moraes, Andradina, SP, Brasil.

Palavras-chave:

Phaseolus vulgaris L., fertilizante orgânico, resíduos bovinos.

Resumo

Atualmente, os sistemas de produção de alimentos tendem a incluir manejos sustentáveis do solo e da água. Um dos principais desafios do cultivo orgânico do feijoeiro é o manejo da adubação. Este trabalho objetivou avaliar doses de fertilizante orgânico à base de resíduos de frigorífico (1,0 t ha-1; 1,5 t ha-1; 2,0 t ha-1; e 2,5 t ha-1). O delineamento experimental foi em blocos casualizados, em esquema fatorial 4x2x2, com 16 tratamentos e 4 repetições. Foram realizadas as seguintes avaliações: massa seca de plantas; diagnose foliar; população inicial e final de plantas; número de vagens por planta, grãos por planta e grãos por vagem; massa de 100 grãos; e produtividade de grãos. Concluiu-se que os métodos e épocas de aplicação do fertilizante orgânico não influenciam os componentes de produção e produtividade do feijoeiro. A dose de 2,5 t ha-1 de fertilizante orgânico propiciou a maior produtividade do feijoeiro em 2012, porém, não expressou sua capacidade máxima de produção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Barradas Pereira, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Socioeconomia, Ilha Solteira, SP, Brasil.

Aluno de pós-graduação em Agronomia (Doutorado), Departamento de Fitotecnica, Tecnologia de Alimentos e Sócio-economia. Área de atuação Fitotecnia (Produção vegetal)

Orivaldo Arf, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Socioeconomia, Ilha Solteira, SP, Brasil.

Professor Titular, Departamento de Fitotecnica, Tecnologia de Alimentos e Sócio-economia. Área de atuação Fitotecnia (Produção vegetal)

Neli Cristina Belmiro dos Santos, Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), Pólo Regional do Extremo Oeste, Andradina, SP, Brasil.

Pesquisadora Científica do Pólo Regional Extremo Oeste/APTA de Andradina

Aline Estela Zini de Oliveira, Escola Técnica Estadual Sebastiana Augusta de Moraes, Andradina, SP, Brasil.

Docente da Escola Técnica Estadual de Andradina (Centro Paula Souza)

Lauro Kenji Komuro, Escola Técnica Estadual Sebastiana Augusta de Moraes, Andradina, SP, Brasil.

Aluno de pós-graduação em Agronomia (Doutorado), Departamento de Fitotecnica, Tecnologia de Alimentos e Sócio-economia. Área de atuação Fitotecnia (Produção vegetal)

Downloads

Publicado

27-02-2015

Como Citar

PEREIRA, L. B.; ARF, O.; SANTOS, N. C. B. dos; OLIVEIRA, A. E. Z. de; KOMURO, L. K. Manejo da adubação na cultura do feijão em sistema de produção orgânico. Pesquisa Agropecuária Tropical, [S. l.], v. 45, n. 1, p. 29–38, 2015. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/28018. Acesso em: 19 jun. 2021.

Edição

Seção

Produção Vegetal