EFEITO DE DIFERENTES NÍVEIS DE BORO, NA PRESENÇA E AUSÊNCIA DE MATÉRIA ORGÂNICA, NA CULTURA DO REPOLHO (Brassica oleraceae var. capitata)

Iraídes Fernandes Carneiro, José Xavier de Almeida Neto, Ronaldo Veloso Naves, Lázaro José Chaves

Resumo


Com o objetivo de verificar o efeito de diferentes níveis de boro na cultura do repolho, na presença e ausência de matéria orgânica, foi instalado na Escola de Agronomia da UFG um experimento em blocos casualizados, com parcelas subdivididas, com 3 repetições. A cultivar utilizada foi Matsukase. Os tratamentos com boro constaram da aplicação de 0, 20, 40, 80, 160 e 320 kg/ha de Bórax comercial, combinadas com doses de 0 e 75 t/ha de esterco de curral. A adubação orgânica aumentou o diâmetro, a altura e o peso de cabeça, mas as relações peso de cabeça/peso total e diâmetro/altura de cabeça não apresentaram diferenças significativas. A aplicação de boro apresentou respostas significativas, na ausência de adubação orgânica, para peso de cabeça, altura de cabeça e relação peso/diâmetro de cabeça. A produção física máxima foi estimada para uma dosagem de 101 kg/ha de bórax. Na presença de adubação orgânica, não houve efeito significativo da adubação com Bórax sobre a produção do repolho.

PALAVRAS-CHAVE: Adubação orgânica; boro; Brassica oleraceae var. captata; repolho.


Palavras-chave


Adubação orgânica; boro; Brassica oleraceae var. captata; repolho

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons

Pesquisa Agropecuária Tropical está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Unported.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br/index.php/pat/about/submissions#onlineSubmissions.

Esta publicação é financiada pelo Programa de Apoio às Publicações Periódicas da UFG (PROAPUPEC)

Visitantes: contador de visitas
Logotipo do IBICT