Mal-do-pé do arroz: hospedeiros e resistência varietal a Gaeumannomyces graminis var. graminis

Cecília do Nascimento Peixoto, Giselle Ferreira Ottoni, Valacia Lemes da Silva Lobo, Marta Crisitina Corsi Filippi, Anne Sitarama Prabhu

Resumo


Diversas gramíneas que ocorrem em lavouras de arroz apresentam sintomas do mal-do-pé, causado por Gaeumannomyces graminis var. graminis (Ggg), em condições naturais de infecção. Com o objetivo de obter informações sobre hospedeiros e resistência de genótipos de arroz ao mal-do-pé, foi estudada a patogenicidade do isolado Ggg-a 01, coletado de arroz, em sete espécies de capim e oito de cereais, em casa-de-vegetação. Os testes de inoculação mostraram que o isolado de arroz foi patogênico às plantas daninhas de capim arroz (Echinochloa crusgalli), avião (Pennisetum setosum), braquiária (Brachiaria sp.), digitária (Digitaria horizontalis), marmelada (Brachiaria plantaginea), pé-de-galinha (Eleusine indica) e timbete (Cenchrus echinatus) e que essas espécies constituem hospedeiros potenciais do patógeno. Cereais de inverno, como o trigo, aveia, centeio, cevada e triticale, bem como o sorgo, milho e milheto, apresentaram diferentes graus de suscetibilidade ao isolado Ggg-a 01. As diferenças foram significativas, quanto à altura da lesão e à produção de hifopódios e de peritécios nos colmos. Não foram observados peritécios em milheto, sorgo, timbete e milho. A resistência de 58 genótipos de arroz de terras altas ao isolado foi avaliada e os genótipos SCIA16 e SCIA08 apresentaram altura de lesão significativamente menor, sendo considerados resistentes, em relação ao genótipo CNAS10351, altamente suscetível.


Palavras-chave


Oryza sativa L.; patogenicidade; plantas daninhas.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons

Pesquisa Agropecuária Tropical está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Unported.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br/index.php/pat/about/submissions#onlineSubmissions.

Esta publicação é financiada pelo Programa de Apoio às Publicações Periódicas da UFG (PROAPUPEC)

Visitantes: contador de visitas
Logotipo do IBICT