OCORRÊNCIA DE COLIFORMES FECAIS E Escherichia coli EM ALFACE COMERCIALIZADA EM GOIÂNIA-GO

  • Henriqueta Merçon Vieira Rolim UFG
  • Maria Célia Lopes Torres UFG

Resumo

Exames bacteriológicos foram realizados em 51 amostras de alface procedentes de sete setores de Goiânia - GO e expostas à venda ao consumidor. Destas, 48 (91,1%) revelaram a presença de coliformes fecais e 15 (22,9%) de Escherichia coli. No conjunto das amostras, 11 (22,9%) apresentaram-se fora dos padrões estabelecidos pela legislação, no que se refere à presença de coliformes fecais.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
04-12-2007
Como Citar
ROLIM, H. M. V.; TORRES, M. C. L. OCORRÊNCIA DE COLIFORMES FECAIS E Escherichia coli EM ALFACE COMERCIALIZADA EM GOIÂNIA-GO. Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 21, n. 1, p. 47-53, 4 dez. 2007.
Seção
Artigo Científico