ENSAIO DE CONTROLE AO MICROÁCARO DO TOMATEIRO Aculops lycopersici (Massee, 1937) (Acari: Eriophyidae) COM UM NOVO ACARICIDA

  • Antônio Lopes da Silva UFG
  • Valquíria da Rocha Santos Veloso UFG
  • Roberto Magno de Castro e Silva UFG
  • Mara Rúbia da Rocha UFG

Resumo

O experimento foi conduzido numa área de plantação de tomate, nas proximidades da Escola de Agronomia da UFG, com o objetivo de avaliar o efeito de um novo acaricida denominado avermectin, contra Aculops lycopersici (Massee, 1937), o microácaro do tomateiro. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com seis tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos utilizados foram: Avermectin (Vertimec 18 CE, 50, 75 e 100 ml/l00 1 de água); Cyhexatin (Plictran 50 BR. 100 g/100 1 de água); Enxofre (Kumulus 80% PM. 400 g/100 1 de água) e Testemunha. As aplicações foram efetuadas com um pulverizador costal manual jacto, gastando-se 30 ml de calda por planta. As avaliações foram realizadas aos 3, 7, 10, 14 e 21 dias após a aplicação, onde amostrou-se 10 folhas ao acaso, de 10 plantas das duas linhas centrais de cada parcela e contou-se o número de ácaros visando a uma área de 0,7 cm2/folha. Os resultados obtidos mostraram que o produto avermectin foi superior aos outros acaricidas, apresentando uma eficiência de controle de aproximadamente 95%, na menor dosagem, até 21 dias. O cyhexatin e o enxofre foram reduzindo sua eficiência ao longo do desenvolvimento do ensaio.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
28-11-2007
Como Citar
SILVA, A.; VELOSO, V.; SILVA, R.; ROCHA, M. ENSAIO DE CONTROLE AO MICROÁCARO DO TOMATEIRO Aculops lycopersici (Massee, 1937) (Acari: Eriophyidae) COM UM NOVO ACARICIDA. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 18, n. 1, p. 29-34, 28 nov. 2007.
Seção
Artigo Científico