Modelagem matemática e difusividade efetiva de folhas de aroeira durante a secagem

  • André Luís Duarte Goneli Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS, Brasil.
  • Maria do Carmo Vieira Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS, Brasil.
  • Henrique da Cruz Benitez Vilhasanti Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS, Brasil.
  • Alexandre Alves Gonçalves Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS, Brasil.
Palavras-chave: Modelo de Midilli, razão de umidade, energia de ativação.

Resumo

A secagem de produtos agrícolas é largamente utilizada no mundo, para o controle e a manutenção da sua qualidade. Em se tratando de plantas medicinais e aromáticas, esta importância cresce ainda mais. Assim, o presente trabalho objetivou avaliar a cinética de secagem de folhas de aroeira (Schinus terebinthifolius Raddi), bem como ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais de razão de umidade. As folhas foram colhidas com teor de água inicial de 65% (b.u.), sendo submetidas à secagem sob condições controladas de temperatura (40ºC, 50ºC, 60ºC e 70ºC), até o teor de água aproximado de 10% (b.u.). Seis modelos matemáticos foram ajustados aos dados experimentais citados na literatura específica e utilizados para a representação do processo de secagem de produtos agrícolas. Com base nos resultados obtidos, pôde-se concluir que os modelos de Henderson & Pabis modificado e Midilli foram os que melhor representaram a cinética de secagem das folhas de aroeira. O aumento da temperatura do ar de secagem promoveu maior taxa de remoção de água do produto. O coeficiente de difusão efetivo aumentou com a elevação da temperatura, e sua relação com a temperatura de secagem pôde ser descrita pela equação de Arrhenius, que apresentou energia de ativação para a difusão líquida, durante a secagem, de 74,96 kJ mol-1, para as folhas de aroeira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Luís Duarte Goneli, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS, Brasil.

Engenheiro Agrônomo-UFV

Mestre em Engenharia Agrícola-UFV

Doutor em Engenharia Agrícola-UFV

Publicado
31-03-2014
Como Citar
GONELI, A. L.; VIEIRA, M.; VILHASANTI, H.; GONÇALVES, A. Modelagem matemática e difusividade efetiva de folhas de aroeira durante a secagem. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 1, n. 1, p. DOI: 10.1590/S1983-40632014000100005, 31 mar. 2014.
Seção
Engenharia de Biossistemas