ESTUDO COMPARATIVO DE INSETICIDAS CLORADOS E FOSFORADOS NA ATRATIVIDADE DE ISCAS PELO “MOLEQUE DA BANANEIRA” (Cosmopolites sordidus Germar, 1824)

  • Lincoln F. Zica UFG
  • Iraídes Fernandes Carneiro UFG
  • Ronaldo Veloso Naves UFG

Resumo

A broca-da-bananeira ou “moleque” (Cosmopolites sordidus Germar) é urna das pragas mais importantes da bananeira. A revisão de literatura mostra que os produtos clorados são os mais utilizados e recomendados no combate a essa praga, principalmente, Aldrin. O presente trabalho visou a testar inseticidas fosforados e também verificar o tipo de isca mais atrativa. A análise estatística dos dados obtidos demonstrou haver diferença significativa entre os tratamentos, entre os dois tipos de iscas, e na interação iscas x tratamento. Com base nos resultados e observações feitas durante a fase experimental, podemos tirar as seguintes conclusões: a) As iscas do tipo sanduíche, feitas com pedaços de rizoma são mais atrativas do que as do tipo telha, feita de pedaços de pseudo-caule, cortados longitudinalmente; b) O inseticida que apresentou melhores resultados foi o RHODIATOX (Parathion).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
06-11-2007
Como Citar
ZICA, L.; CARNEIRO, I.; NAVES, R. ESTUDO COMPARATIVO DE INSETICIDAS CLORADOS E FOSFORADOS NA ATRATIVIDADE DE ISCAS PELO “MOLEQUE DA BANANEIRA” (Cosmopolites sordidus Germar, 1824). Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 7, n. 1, p. 121-126, 6 nov. 2007.
Seção
Artigo Científico