PRODUÇÃO E CRESCIMENTO DE MUDAS DE MANGABEIRA (Hancornia speciosa Gomez) EM DIFERENTES SUBSTRATOS

  • Maria Eloisa Cardoso da Rosa
  • Ronaldo Veloso Naves
  • Juarez Patrício de Oliveira Júnior
Palavras-chave: Mangaba, frutífera nativa, calagem, fertilizante, substrato de plantio

Resumo

Mudas de mangabeira (Hancornia speciosa Gomez) com onze meses de idade foram submetidas a diferentes combinações de substratos: solo apenas (Latossolo Vermelho-Amarelo), solo + 33% de bagacilho de cana calcinado, e solo + 66% de bagacilho de cana calcinado, os quais receberam ou não calagem e adubação. Após a aplicação dos tratamentos, foram avaliados aos 70, 100 e 130 dias, o diâmetro basal das mudas, a altura de plantas e o número de pares de folhas, bem como o peso seco da parte aérea e da raiz, ao final do experimento. Pôde-se verificar que a adição de 0,5 kg.m-3 do adubo químico 10-10-10 ao solo foi o melhor tratamento, nas condições estudadas. Houve uma tendência de superioridade do peso seco da raiz, em relação à parte aérea, em parte dos tratamentos, evidenciando um maior desenvolvimento da raiz das mudas de mangaba, em relação à parte aérea. Valores de pH entre 5,2 a 5,5 promovem melhor desenvolvimento das mudas, enquanto valores entre 6,0 e 6,8 provocam redução no crescimento.

PALAVRAS-CHAVE: Mangaba; frutífera nativa; calagem; fertilizante; substrato de plantio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Eloisa Cardoso da Rosa
Departamento de Zootecnia, Universidade Católica de Goiás. Campus II. Goiânia, GO. E-mail: mariaelo@terra.com.br
Publicado
02-11-2007
Como Citar
ROSA, M. E.; NAVES, R.; OLIVEIRA JÚNIOR, J. PRODUÇÃO E CRESCIMENTO DE MUDAS DE MANGABEIRA (Hancornia speciosa Gomez) EM DIFERENTES SUBSTRATOS. Pesquisa Agropecuária Tropical (Agricultural Research in the Tropics), v. 35, n. 2, p. 65-70, 2 nov. 2007.
Seção
Artigo Científico