HIPOFOSFOROSE EM BOVINOS NO MUNICÍPIO DE CONTAGEM – MINAS GERAIS

Lourival Pereira Nunes, Edalmo Souza Couto

Resumo


Foram estudados casos de hipofosforose em bovino do município de Contagem, Estado de Minas Gerais, explorados na produção de leite. Realizou-se as dosagens de cálcio e fósforo séricos em seis animais doentes, antes e 21 dias após iniciado o tratamento com Phos-20 e farinha de osso à vontade no cocho. Foram feitas as determinações de cálcio e fósforo no solo e no capim jaraguá (Hyparrhenia rufa) dos pastos nas duas fazendas. Fez-se no lote 1 o tratamento parenteral com Phos-20, na dose diária de 10 ml por 100 quilos de peso animal durante 10 dias e farinha de osso à vontade, no cocho com sal comum ao lado. Ao segundo lote, durante 10 dias, administrou-se 1 mg de sulfato de cobalto, "per os" em 20 ml de água, diariamente por animal e sal comum à vontade; posteriormente, em face do resultado negativo para o cobalto, continuou-se com o tratamento do primeiro lote, apresentando melhora muito acentuada no quadro clínico; o terceiro lote, sem tratamento por igual período. Posteriormente, o tratamento com farinha de osso, sal comum e Phos-20 restabelecendo parcialmente no espaço de algum tempo, persistindo, como seqüela, a esterilidade. Nos bovinos do primeiro lote, após a primeira semana de tratamento com Phos-20 e farinha de osso, verificou-se a remissão dos sintomas. Em todos animais tratados com fontes de fósforos, a fosfatemia se restabeleceu a níveis normais, quando se generalizou o uso da farinha de osso e sal comum à vontade na alimentação. Verificou-se estreita correlação entre os níveis séricos de fósforo animal com teor deste elemento no solo e no capim jaraguá (Hyparrhenia rufa), caracterizado por um limite crítico de deficiência. O diagnóstico de hipofosforose baseou-se na análise dos dados clínicos: anamnese, sintomas, níveis séricos de fósforo dos bovinos, exame histopatológico do tecido ósseo e teores de fósforo na forrageira e no solo das duas fazendas onde se realizou a pesquisa.


Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons

Pesquisa Agropecuária Tropical está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Unported.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br/index.php/pat/about/submissions#onlineSubmissions.

Esta publicação é financiada pelo Programa de Apoio às Publicações Periódicas da UFG (PROAPUPEC)

Visitantes: contador de visitas
Logotipo do IBICT